Com certeza, você já deve ter se deparado com a famosa dança de Hare Hare Yukai do anime Suzumiya Haruhi no Yuuutsu. Se a resposta foi não, pois bem, Aya também dublou e cantou a famosa música Motteke! Sērāfuku do anime Lucky Star. Ficou fácil desse vez, né?

Aya Hirano é cantora da gravadora Lantis, a mesma gravadora dos grupos JAM PROJECT e GRANRODEO. O destaque de Aya foi tanto no mercado nipônico, que a dubladora (seiyū) ganhou uma série de produtos, com sua imagem, como uma coleção de cards, e ensaios fotográficos. Isso acontece porque no Japão se valoriza demais o trabalho de um dublador, diferente de outras partes do mundo.
Lógico que uma dubladora se tornando cantora não é novidade, Aya apenas representa uma nova geração de artistas dessa categoria. Já tivemos casos como da série Macross, com Mari Iijima, ou também casos como Megumi Hashibara que cantou boa parte dos animes em que também dublou nos anos 90 até hoje.

Perfil

Aya Hirano nasceu em 8 de outubro de 1987, na prefeitura de Chiba, no Japão. Aya é dubladora e cantora de J-pop, sendo que já trabalhou em diversos animes, Visual novel e comerciais da Televisão japonesa. Ela é contratada da agência Space Craft Produce, que cuida da carreira de dubladora. Enquanto isso, ela também tem assinado contrato com a gravadora Lantis, nesse caso logicamente com a função de cantora.
Durante 2002 a 2003, ela participou de um grupo de jpop chamado “Springs”, depois do fim do grupo ela tentaria novamente como cantora, mas dessa vez solo, alguns anos depois.

Quando era mais nova, ela passou alguns anos nos Estados Unidos, antes de regressar ao Japão. Ela se juntou ao Tokyo Child Theatrical Group, uma divisão da Space Craft Produce. Aya começou participando de comerciais e depois como dubladora, sendo que seu primeiro papel foi no anime Tenshi no Shippo, como a personagem Momo.
Os seus filmes favoritos são Bela Adormecida, Edward Mãos-de-Tesoura e O Estranho Mundo de Jack.

A estréia como protagonista e como cantora solo

Formando-se no ensino médio, Aya se dedicou exclusivamente na carreira como dubladora e cantora. O momento de Aya chegou, quando ela ganhou a chance de dublar a personagem protagonista da série Suzumiya Haruhi no Yuuutsu. Assumindo a voz de Haruhi Suzumiya, ela chamou atenção da mídia ganhando popularidade. Ela recebeu pelo seu trabalho como Haruhi Suzumiya, como melhor dubladora revelação no Seiyū Awards em 2006. Sua popularidade pôde ser sentida no mesmo evento, em que ela concorreu nas categorias, melhor personagem (feminino) principal, melhor single e melhor suporte a personagem (feminino).

Breakthrough

Seu primeiro single veio em março de 2006, com Breakthrough. Lançado pela Lantis, o primeiro single de Aya era as faixas de abertura e encerramento do visual novel chamado Finalist que lançado para Playstation 2.

Bōken Desho Desho?

Lançado em 26 de abril de 2006, o segundo trabalho da Aya, já era relacionado a série série Suzumiya Haruhi no Yuuutsu. O single ficou em décima posição na Oricon, graças à popularidade da série e da dubladora.

Nana e Death Note

Nessa época, a Aya crescia cada vez mais como dubladora, assumindo papeis cada vez mais importantes, como Reira Serizawa no anime Nana e Mina Amane em Death note.
Isso sem mencionar os outros personagens que a dubladora fez em 2006 que foram: Kahlua e Tequila Marjoram em Galaxy Angel-Rune, Yoko Sasakura em School Rumble, Tarance Claw no filme Doraemon: Zeusdesu Naida, Sanae Nakajima em Sumomomo Momomo, Shikimi em Himawari! , Mahiro Muto em Busō Renkin e Pachira em Renkin 3-kyū Magical ? Pokān.

Love ★ Gun

No evento Anime Summer Live realizado em 18 de março, Aya se juntou com elenco da série Suzumiya Haruhi no Yuuutsu, realizando a segunda edição do concerto Suzumiya Haruhi no Gekisou.
Em 10 de outubro de 2007, Aya lançou seu quarto single, dessa vez, com uma campanha da Lantis por longos três meses sobre esse novo trabalho dela.
Esse foi o primeiro single da cantora no ano, justamente por revezar sua carreira de cantora com a de dubladora.

Lucky ☆ Star

O grande destaque de 2007 na vida de Aya Hirano foi com certeza a personagem Konata Izumi da série Lucky ☆ Star. A série foi o grande destaque de 2007, trazendo com bastante humor, a vida de colegiais. O destaque da série realmente é a Konata que é uma otaku, cheio de referências a cultura otaku.
Não é a toa que a Aya ganhou o prêmio de Atriz com melhor voz no Tokyo International Anime Fair.

Unnamed World

Em 23 de abril de 2008, Aya lançou o seu sétimo single, intitulado Unnamed Word. A música tema do single, Unnamed World é o encerramento da série Nijū Mensō no Musume que foi exibida entre abril e setembro pela Fuji Tv e produzida pelo estúdio Bones.

Riot Girl

O primeiro álbum gravado em estúdio de Aya, Riot Girl reuniu principalmente os seus primeiros sete singles pela Lantis.
O álbum veio com quatorze faixas, sendo 7 novas musicas e 7 de seus singles anteriores. Destaque para: LOVE★GUN, Hero, MonStAR, Ashita no Prism, Bōken Desho Desho?, Harmonia Vita, For you e Hōshi no Kakera.

Namida Namida Namida

O seu mais recente trabalho, foi lançado no dia 8 de outubro de 2008, e se chama Namida Namida Namida. A música tema do single está sendo exibida como encerramento da série Hyakko, que estreou no mesmo mês no Japão e continua em exibição por lá.
Aya faz uma das quatro heroínas protagonistas da série, a personagem Ayumi Nonomura.

Atualmente

Uma das grandes expectativas do público nipônico foi o retorno de Aya na voz de Haruhi Suzumiya, no novo jogo de dança para o videogame Wii, chamado The Parallel of Haruhi Suzumiya. Esse foi o segundo jogo para o console, o primeiro jogo The Excitement of Haruhi Suzumiya foi o terceiro de uma série que começou no PSP.
A produtora dos animes Suzumiya Haruhi no Yuuutsu e Lucky ☆ Star, a Kyoto Animation, exibiu a continuação da série misturado com episódios da primeira temporada. . Atualmente foi anunciado um filme , porém pouco se sabe, das novas aventuras da Brigada SOS.

About Giuliano Peccilli

Editor do JWave, Podcaster e Gamer nas horas vagas. Também trabalhou na Anime Do, Anime Pró, Neo Tokyo e Nintendo World.

View all posts by Giuliano Peccilli