Play

Batman: Cavaleiro das Trevas Ressurge chegou aos cinemas brasileiros na última sexta.

Você começou acompanhar essa trilogia em 2005 com Batman Begins e agora essa história se encerra.

Cercada de boatos, Cavaleiro das Trevas Ressurge vem recheado de surpresas que pipocam no filme, revelando bem mais que os trailers demonstravam.

Nesse novo filme, ainda temos a entrada da Mulher Gato e de Bane, além de uma série de interesses que vai acabar prejudicando os planos de Bruce Wayne.

Juba, Calliban, Sasukerk e Marvin se reúnem pra falar do último filme do morcegão. Preparados? Obs: Lembrando que o JWave é um podcast recheado de spoilers e é produzido pra quem já viu o filme e quer discutir sobre o mesmo.

PARTICIPANTES



CORREIOS
The Lizzie Bennet Diaries

TEMA
Curiosidades de produção de Batman: Cavaleiro das Trevas Ressurge
Batman: Cavaleiro das Trevas Ressurge

INDICAÇÃO

Batman Silêncio – Edição Definitiva – Série Limitada
Batman Silêncio – Ed. Definitiva – Brochura
Batman – O Messias – Col. Grandes Clássicos Dc
Batman – O Longo Dia das Bruxas
Batman – O Cavaleiro das Trevas – Edição Definitiva
Batman – A Queda do Morcego – Vol. 1 – Herói Quebrado
Batman – Morte em Família
Batman – Dia Das Bruxas
Batman – O Cavaleiro Das Trevas
Batman e Filho
Batman – Ano Um
Batman Contra o Capuz Vermelho – DVD4
Batman Ano Um – Dvd4
Batman – o Cavaleiro Das Trevas – Premium Edition – 2 DVDs – DVD
Batman Begins – Blu-ray
Batman – O Cavaleiro das Trevas – Blu-ray

ITUNES


Lembre de avaliar o JWave no iTunes

About Giuliano Peccilli

Editor do JWave, Podcaster e Gamer nas horas vagas. Também trabalhou na Anime Do, Anime Pró, Neo Tokyo e Nintendo World.

View all posts by Giuliano Peccilli

143 Comments on “JWave #102 | Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge”

  1. Ae. Ainda não assisti o filme, mesmo assim vou ouvir o podcast. Spoiler na cara. suhaushuahsahu. Preciso assistir. Ai que dá viajar desse jeito. Parabéns pelo Podcast pessoal.

      1. Em tempo: curti as lutas mano a mano do TDKR. Vi erro de coreografia ali não.

        Não curti foi a cena da polícia vs. bandidos. A cena EM SI é legal. Mas a estratégia ali foi pra casa do @!#$%. Galera lá de Gotham precisa dar uma treinada com o BOPE.

        1. A questão não foi erros de coreografia, mas sim a simplicidade das mesmas. Eu não gostei, pode ser implicância minha porque sou artista marcial mas tanto o Batman quanto o Bane foram treinados pela Liga das Sombras e mimimi, esperava mais das coreografias = Em Batman Begins são poucas as vezes que mostra o Batman vestido de Batman lutando porque ele geralmente tá atacando das sombras xD

          1. O Batman luta KFM no primeiro e no segundo filme. É uma luta legal no melhor esitlo bater-e-correr, o típico "briga-de-rua" metódico. O problema é que esse estilo não tem a economia de movimentos do morcego nem acrobacias.
            O Christian Bale até já mandou bem em lutas em outros filmes, mas o Nolan não usou muito isso. Acho que todo mundo que faz artes marciais percebe que daria pra fazer algo bem mais visual e brutal, com menos cara de amadorismo, com um pouco mais de trabalho naquelas cenas; acho que foi escolha do diretor mesmo, no fim das contas.

  2. Baixando.

    Eu posso até ser chato e dizer que o filme tem uma falha e outra, ali e acolá, porque tem. Mas achei foda e fiquei tenso assistindo. Embarquei na parada e confesso que vi nenhum dos plot twist chegando (desliguei e curti a parada).

    Excelente. Pode não ser ipsis litteris o Batman/Bruce Wayne do gibi, mas é uma versão igualmente legal. Dos 3 filmes, TDK ainda é o melhor. Como trilogia é melhor que muitas outras.

      1. Rapaz, eu bati aposta que a Miranda era a Talia e o John era o garoto prodígio na primeira cena que eles aparecem 🙂

        Alias, uma coisa que cortei na edição do podcast: O Bane faz o filme inteiro a mesma pose (segurar as golas da jaqueta) que o Ras Al Ghul faz no primeiro filme. Quando ele apareceu nos trailers já tinha certeza que que ele era lacaio do Ras 🙂

        1. LOL essa do Bane eu não advinharia nunca o.O Eu não adivinhei o Robin de primeira mas conforme o personagem ia ganhando importância em cena já imaginei que ele seria de alguma importância xD

          1. Pra mim a única coisa que pegou de surpresa foi a Miranda ser a Talia (apesar de também achar que era facil de deduzir, principalmente pra quem conhece a personagem) de resto foi tudo muito previsível, o Blake ser o Rodin, dês do começo quando da a dica que foi criado em orfanato já fica na cara, fora o destaque que ele tem…
            o Batman ter que escalar o poço sem a corda, fica na cara, inclusive ele foi cabaço no filme de não perceber isso sozinho, que era o que eu achei que ia acontecer mas que precisou do doutor lá para dizer isso pra ele.

  3. Esse podcast eu só vou ouvir depois de ver o filme. Mas desde já adianto o meus parabéns, pois conhecendo a qualidade de vocês, deve estar excelente esta edição! 😉

  4. Percebo que MUITAS das reclamações de vocês são muito mesquinhas, parece até uma pré-disposição a não gostar. Não se é isso, ou só um meio de fazer graça. E não digo isso como um fã freak, mas porque são coisas que são críveis de ter acontecido no roteiro ou com os personagens, mas enfim… Respeito a opinião, claro.

  5. Sabe o que o confronto entre o Bane e o Batman lembra? Rocky III.

    Batman velho de guerra, sem muito animo pra cair na porrada, daí aparece o Bane, com a mesma ferocidade do Batema de anos atrás, porém maior, mais agressivo, carregando tora nas costas e treinando batendo em elefante. etc etc

    Chega a luta, mete a porrada no herói, bla bla bla bla bla.

    Acho que vocês entenderam meu ponto.

      1. Desculpe, mas é que a mim pareceu que NINGUÉM tinha gostado do filme, pois só ficaram falando mal de TUDO. Mas vai de cada um. Não quero me aprofundar em detalhes e acabar parecendo um fã-bobão que tenta "justificar os defeitos".
        Para mim o que importa é que eu curti, minha noiva adorou, e o cinema INTEIRO aplaudiu no final. E não é figura de linguagem.

        E segue o barco

        1. Marcio Neves Machado,

          Eu particularmente acho que o filme tem seus bons momentos, mas tudo que é questionável na discussão é opinião dos membros.

          Todos ali são fãs de Batman e citam as sagas que inspiraram o filme o tempo todo, mas o que mais me decepcionou no filme foi a Talia.

          O filme tem um final épico e foi aplaudido de pé, pena que o final não soe original, pq remete direto A Origem que teve o mesmo final.

          Eu adorei a primeira metade do filme, adorei a motivação que levou Bruce a entrar nessa jornada. Adorei a Mulher Gato sendo uma das motivações que levou ele a isso.

          Também gostei da ideia da jornada de heroi que o Bane fez ao tacar o Bruce na prisão.

          A gravação do JWave levou mais de 2 horas sobre teorias e opiniões do filme e acredito que um dos méritos do JWave é sempre reunir uma equipe que tenha opiniões diferentes pra debater um assunto.

          Acredito que a unica vez que fizemos um filme que todo mundo odiou foi um do Eddie Murphy (O rapto do menino dourado) e lhe garanto que Batman está longe daquilo.

          De qualquer maneira, adoramos a trilogia do Nolan e o Call realmente tem uma visão que questiona a ausência do lado detetive do Bruce Wayne na visão do Nolan. Eu até então, nunca questionei isso, pq no primeiro filme, acredito que na construção da batcaverna, ele mostra mesmo que pouco, esse lado.

          Uma coisa que me incomodou foi a dublagem do Bane, achei bizarro a voz dele estar tão alta e não bater com a ideia que é um cara usando uma máscara.

          Outra foi a escolha e desenvolvimento da Talia na trama.

          Eu preferia bem mais um filme com investigação em Gotham com a Mulher Gato.

          E sim, eu continuo aplaudindo de pé o final do filme, mas não achei ele uma nota 10. Está longe disso.

          Espero que entenda meu ponto.

          Abraços

    1. Relaxa velho 🙂 Você foi no cinema, viu o filme, gostou do que viu, se divertiu 3 horas e saiu com sensação de que investiu bem o dinheiro do ingresso. Eu só não tive essa sorte 🙂

      Se você olhar. no JWave nós sempre atacamos sem parar furos, erros e problemas de direção nas obras que avaliamos, mesmo que seja algo que adoremos. Não estamos atacando quem gosta ou desgosta do filme, estamos só debulhando. Nós também exaltamos sem parar as cenas que gostamos, e tem várias nesse filme.

  6. Ouvindo… comentarei depois.
    E… que foi aquilo na leitura de e-mails? Ah… esquece… descobri. E eu achando que Chaves Maconheiro era ruim o bastante.

  7. Bem, acho que valia ter feito um cast sobre a trilogia inteira ao invés de um filme por vez.
    Olha, eu discordo bastante quanto às lutas. O caso é que lutas exageradas não fariam sentido dentro do filme. Fora que Batman de colant não faria sentido no universo criado.
    Sobre o "realismo" do filme, esse se refere menos à realidade de tecnologias e tudo mais do que à realidade do que aconteceria se um herói como o Batman aparecesse numa cidade, relações de personagens e a mortalidade dos personagens. Essa ideia de que o realismo é totalmente relacionado aos itens e gadgets e whatever é algo que sempre achei errado.
    Referência à Darkwing Duck, caraca D:
    Engraçado terem citado a Jornada do Herói, já que toda a Saga do Cavaleiro das Trevas é justamente isso. É um mito moderno, como a história de Heracles ou Odisseu.
    Sobre o plano do Bane, olha, ele realmente não queria dar moral nenhuma. Ele só queria escrotizar e provar que as pessoas não prestam. O lance de "entregar o controle ao povo" foi papo e uma crítica à Revolução Francesa (o que é sustentado pela referência à História de Duas Cidades). Ou melhor, é uma crítica à todos os movimentos revolucionários, até aos próprios Occupy, onde, em geral, as pessoas se juntam ao movimento sem saber realmente o que se há para saber.
    Bom, para ser honesto, discordo da maior parte do que foi dito, assim como muita gente aqui ao que parece. Não que eu ache que tenha sido perfeito, porém daí até ter visto tantos erros quanto vocês é uma distância grande. Mas, para ser justo, eu estava mais ligado na metáfora central e no lado mítico do filme do que na lógica do enredo ou no ângulo "entretenimento", que é o que é levado em conta no JWave. Só que acho que nesse caso, o filme não é SÓ entretenimento como foi Avengers. A Trilogia toda é arte e, talvez devesse ser analisado como tal. Só que, como eu disse, isso não é aquilo que o JWave faz. Não esperava uma análise à luz do épico grego ou algo assim.
    AINDA assim, discordo do que foi dito, mas é só o que eu acho mesmo.
    My recent post Conto(?): Sombras

    1. Esse não é o Podcast que Gotham merece, é o podcast que Gotham precisa. Discordo de sua opinião e sou eternamente grato por podermos discordar uns dos outros e ainda podermos discutir amigavelmente 🙂

      Mas o argumento de "é arte, não entretenimento" chama-se Falácia do Apelo à Vaidade.

      1. Acho que é aquilo que já foi dito. Que seria um podcast polemico pois você falariam do imaculado. Pois a mídia só aplaudiu e elogiou o filme em suas criticas. Já oque gosto no JWave é exatamente esse modo do qual dão suas visões e criticas a um filme. Mesmo sendo algo adorado pelos participantes, oque não impede de criticarem de cara limpa e com a opinião que cada um acha correto. E como Call disse, poder discutir amigavelmente.
        Gostei do Batman Begins, adorei Cavaleiro das Trevas, até por que o Coringa foi algo fabuloso mesmo e as cenas com ele presente sempre eram tensas. Cavaleiro das Trevas Ressurge também gostei. Senti que falto algo no filme mais creio que a trilogia foi encerrada da forma que o diretor quis e tudo foi seguido a escolha dele. Agora imagine uma pessoa que cresceu e conheceu o Batman lendo os gibis, imagina a empolgação quando foi anunciado o primeira aparição do morcego nas telonas. Dai para muitos veio a decepção e para outros o adorar, gostar, curtir. Oque é direito de cada um. E hoje isso se repete e se encerra com o fim da trilogia. Para o pessoal que conhece o Batman só a partir dos filmes é fácil adorar o filme. E para os fãs do gibi que se empolgaram com o primeiro filme e não curtiram e hoje vem algo melhor trabalhado, só ainda assim sentindo falta daquilo que torna o Batman dos quadrinhos.
        Digo isso por ser um grande fã mais ainda assim sem ter um conhecimento mais amplo por não ter lido muitos gibis do Batman. Sou fã dessa nova trilogia pois os antigos eu não curti mesmo, só que entendo perfeitamente a critica de cada um exposta nesse podcast.
        Call se ainda não assistiu ou se já assistiu, gostaria de saber sua opinião desse filme feito por fãs do Batman, achei interessante. Link: http://www.youtube.com/watch?v=0nCcdec8WdM
        Essa forma seria um bom modo de levar o Batman ao cinema?
        Só sei que assisti a o filme e depois ouvindo JWave vi que em certos modos as criticas aqui expostas por cada um são muito bem feitas e em momento algum chama o filme de ruim, apenas da uma respostas as criticas que já deram a o filme a nomeação de "Imaculado".
        É uma adaptação que respeita o Batman, o universo pelo Nolan, ainda assim não é o Batman dos gibis que eu acreditava estar vendo e descobri pela informação do Call.
        Isso é oque o JWave faz, ter diversificações de opiniões amigavelmente.

        1. Sim, esse filme é bem mais fiel ao Bat-mythos que os Live-Actions pra cinema que vimos até hoje.
          Por mais que ele não tenha o orçamento absurdo ou atores famosos, e tenha um roteiro bem simples, ele consegue passar em 30 minutos mais "Isso é a porra do bátima" do que os outros filmes até agora 🙂 Mas isso é minha opinião, claro.

          1. Legal. Obrigado pela sua opinião.
            Pois achei bem interessante mesmo.
            Queria outra opinião sua. Eu tenho em capa dura numa edição especial que reúne os três volumes do Batman Dia Das Bruxas de Jeph Loeb e Tim Sale, já li e entendi um pouco mais como é o Batman mesmo, esse foi uma boa escolha de titulo?
            Se pudesse citar uns títulos dos quais você ache que mais apresenta o universo do Batman em melhor conteúdo. Quero ler mais quadrinhos, se puder dar sua opinião.
            Valeu, e obrigado.

          2. Vamos fazer um especial sobre o Batman, mas Longo dia das bruxas é uma das melhores histórias do batman-detetive. A continuação dela (acho que Vitória Sombria) é muito boa também.
            Se quer algo mais thriller tem o Silencio também, que é recente.

            Com menos detetive e mais psicológico tem o Cavaleiro das Trevas (a original, não a parte 2) e também Piada Mortal. Aqui uma lista pra se guiar, mas não considero todas boas não, http://www.comicvine.com/myvine/the_poet/comic-vi

            Normalmente séries fechadas são melhores que gibis mensais, mas atualmente a Panini está publicando uma saga do Batman bem legal pra quem não conhece muito, chamada Noite das Corujas. É bom se você quiser ver como é um quadrinho do personagem ao invés de mini-séries.

            Outra dica é procurar por personagens secundários do Batman: Robin, Asa Noturna, Spoiler, Batgirl, Oráculo, Aves de Rapina, Mulher Gato… normalmente esses personagens possuem histórias muito bacanas e fechadas, e o Batman aparece o tempo inteiro lá 🙂

          3. Opa!!!
            Muito obrigado Call
            Vou dar uma pesquisada e ver os que vou pegando.
            Quero mesmo saber mais sobre o universo do morcego nos gibis.
            Grato pelas dicas.

      2. Eu nunca disse que "é arte, não entretenimento" disse que talvez devesse ser analisado como arte, já que por trás de todas as explosões e pancadaria, o filme é a jornada de um herói e um estudo sobre temas complexos. Não acho que o que vocês falaram foi errado, pecado ou sei lá o que. Só discordo justamente por acreditar nisso aí. Não é um filme perfeito, já falei isso, mas também não é SÓ entretenimento e o foco do filme sempre me pareceu mais na mensagem do que em ser OH, GODS EXPLOSÕES E BOOOM E KATAPUM.
        Claro que ajuda que nunca fui OH, GODS fã de HQs e geralmente tento não reclamar de adaptações (se bem que às vezes não consigo) que mudam a fórmula do original.

  8. Eu também assistia Armação Ilimitada kkkk. Pena que um cast disto seja impossível =[. Mas curti muito o cast. Parabéns. P.S: Um podcast sobre Pica Pau seria bem legal XD. Abraços

    1. Eu também via Armação Ilimitada!!
      Zelda Scott era minha heroína, namorava dois caras bonitos ao mesmo tempo e não havia problemas com isso (nossa, hoje em dia um plot destes não passaria nem pra novela das 23:00.. )
      E "O Chefe", do Milani, é o melhor chefe de todos os tempos!

  9. hahaha ri muito com a leitura do meu e-mail…espero que não descartem Samurai Jack rsrs
    Excelente programa, notaram as mesmas coisas que eu e comentaram…mas o filme é excelente, mastiga e cospe os Vingadores… Jwave nota 10…

  10. Filme mais ou menos! Vale o ingresso, mas não é nada de épico como tds esperavam!!! Na boa, curto mto mais as HQs e animações aos filmes!!!

    Ahhh, então eu comentava aqui no site como CleberSilva usando o login do Facebook, por algum motivo qquer, não consigo mais e passei a usar o do twitter msm!!! Mas Vlw! Mto show este cast! Pra variar … rs

  11. Sobre o caos na cidade e tal, vocês esquecem que o corte original do filme era de 4 horas.

    Alguém comentou no podcast que o plano é sem sentido do Bane, e esquecem do lance da esperança que ele comenta com o Batman sobre a cadeia, e é isso o que ele quer fazer com a cidade, dar esperança pra depois foder o povo.

      1. Na verdade foi apresentado, sim. Ele estava disposto a tudo pelo plano da Liga das Sombras e, principalmente, pela Talia e a Talia estava disposta a morrer para destruir Gotham, logo ele faria o mesmo.
        Acho que isso foi bem menos grave que outros problemas que o filme teve como as transições confusas e a pressa em algumas sequências do final.

  12. Sobre o caos na cidade e tal, vocês esquecem que o corte original do filme era de 4 horas.
    Alguém comentou no podcast que o plano é sem sentido do Bane, e esquecem do lance da esperança que ele comenta com o Batman sobre a cadeia, e é isso o que ele quer fazer com a cidade, dar esperança pra depois foder o povo.

    Outra coisa. Que fixação com o cú dos outros! fala sério…

    1. Incrível a quantidade de pessoas que não conhece Feira da Fruta! Botei a música nos correios pra deixar claro que eu ia zoar Feira da Fruta o podcast inteiro pra não ficar pesado o clima, e as pessoas simplesmente nunca viram!

      Que mundo é esse onde as pessoas não conhecem documentos que não provam nada?

  13. Eu acredito que o fator hype destrói diversos filmes, e por eu ser o publico alvo das produções do cinema (pessoas que conhecem o personagem mas desconhecem os quadrinhos) o filme foi ótimo para mim.
    Eu compreendi os personagens e seus motivos com o que me foi apresentado na tela, e por não conhecer nem buscar nada da revista aquilo me bastou… Mas funcionou para mim pois como disse lá no começo nunca colecionei os impressos do Batima (tirando aquele álbum de figurinhas dos anos 90 =D ).

    Eu só tenho uma duvida… QUANTAS CURTIDAS PARA TERMOS UM CAST DE FEIRA DA FRUTA (com direito a eunucos, licores e documentos que não provam nada)?

  14. acho que vou esperar esse filme passar na TV. Os filmes de batman sempre vejo na televisão. Eu nunca fui pro cinema ver DC comics. Acho bem divertido ver na TV e as vezes quando quero ver pela segunda ou terceira vez vou pra net ver. Faltou o Stunts nesse podcast acho q ia ficar bem engraçado com ele.

    1. Bom, acho que consigo. 🙂
      Tá! Escutei o cast sem ter assistido o filme e dai? Queria ter certeza que não iria gastar o meu dinheiro atoa. Dei risada todas as vezes que o Cal dizia a palavra c* (sem palavras chulas aqui :x) e já conhecia a Feira da Fruta kkkkkk
      Bom, vou ir assistir o filme e depoi mando um email, com o resto do feedback que estou montando, com a minha opinião.
      Gostei do cast! Continuem assim meninos ^^

  15. Pelo menos não ficou uma merda phoda pra se querer sofrer uma lavagem cerebral pra esquecer sua existência maldita(Homem-Aranha 3 que o diga^^). O problema é que o como na série de filmes do cabeça de teia, o hype era demais e pode não ter ficado bom o bastante pra o que alguém teria imaginado que apreciaria no cinema. É isso aê, não é bom o bastante, mas é BOM, e no cinema meus amigos, um resultado assim no fim de uma trilogia é pra ser aplaudido de pé.

  16. Sem querer puxar o saco, mas concordo com a análise, esse Batman dessa trilogia passou longe do personagem que conheci nos quadrinhos e olha q eu sou um leitos ESPORÁDICO do personagem. Esse filme ficou com um ritmo todo estranho, as lutas são fracas, Batman é muito burro e o momento da batalha entre os policias e a milícia foi RIDÍCULO. Não existe confronto frontal contra metralhadoras!!

  17. Call em algum momento:

    "Eu nunca gostei dos Batman do Nolan"

    Sério não diga?! juro que não percebi isso… Se não fosse o Juba ia ser o podcast mais mimimimimi forever. Parecia até os membros do JN quando não tão muito afim de fazer o tema.

    Mas, eu como cuequinha verde não vou te ameaçar de morte por ter ofendido o Deus Nolan… Mesmo porque acredito que você pagou seus pecados ao ter feito o podcast do Shurato. E vai continuar pagando com CDZ…hauahauahguahauahauahu
    My recent post Climatinê: Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge, Por Corto

    1. Não é bem mimimi, eu faço essa destruição de obra em praticamente todo o jwave, é que nesse acho que ninguém esperava que justo eu fosse fazer isso.
      Mas pelo menos entendeu que eu não estava xingando a obra falando palavrão, e sim referenciando Feira da Fruta, né? Tem gente que nem isso percebeu.

  18. bátema não essa coca-cola toda que o trailler quer passar, mas dá pro gasto. dei uma olhada na animação batman contra o capuz vermelho e parece ser bm melhor XD batman não luta porra nenhuma nessa trilogia, a cada filma ele luta menos. graças a deus que é christian bale gatinho, senão nem perdia tempo hahaha brinks*

    eu prefiro ele em equilibrium d++++!!! o kra me fez ter um orgasmo visual com aquele paletó branco dando porrada, pena que bátema não tem o mesmo efeito.

    ah pena que stunts gatinho não tava no podcast, aff se rolar um podcast ao vivo ele tem que estar e nu! o.0 LOL kkkkkkkkkkkk

  19. Galera muito bom o programa do Batima!!!
    Adoro os podcasts de sessão da tarde e quero saber se vcs vão fazer sobre dois filmes clássicos da sessão da tarde que ainda falta: Edward Mãos de Tesoura e Jurassic Park
    Abraço!!!

  20. Concordo com a maior parte do que foi dito.
    Vi o filme dublado e o povo não parava de sair da sala no meio do filme, conversar. Não escutei nenhum grito de entusiasmo na sessão inteira…
    Não acho que cenas de ação a cada 5 segundos sejam essenciais em filmes de heróis, mas um filme do Batman merece mais tensão ou ação

  21. Como comentei em outras criticas, não é melhor que o anterior, mas é tão bom quanto, a maior surpresa do filme foi a performance de Anne Hathaway, quando anunciaram que ela seria a Mulher-Gato, eu torci o nariz,pois tinha aquela imagem da Michelle Pfeiffer, mas Anne surpreendeu e rouba cena diversas vezes(testoteronamente falando a posição dela pilotando a moto é de pirar a cabeça)! O filme tem uns furos, mas é um bom filme!

  22. Não aqui não é o JUba!
    Não tenho nada a comentar – ainda.
    Minha namorada me fez assistir "Na estrada" em vez do Batimá.Que merdaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa de filme! Sai na metade da sessão… nem os peitos da "Bela" salvaram essa merda.

  23. O filme é bom, não achei que iam encontrar tudo isso de defeito. Achei um encerramento muito bom pra trilogia. Essa versão da mulher gato ficou muito boa e o background dela convence dentro do universo criado pelo Nolan, não foi nem preciso mencionar o nome "Mulher Gato".
    Já a origem do Bane eu reconheço que ficou um pouco estranha e a relação dele com a Talia. Afinal ele diz para o batima que ele nasceu nas sombras, porém a criança que nasceu na prisão foi a Talia. Não fez sentido o gang bang no Bane por ele ter dado pézinho pra Talia fugir da prisão. A máscara parar a dor agonizante? Ok, aceito isso, eu não conseguiria imaginar um motivo melhor para um maluco usar uma focinheira nesse universo.
    A voz estupidamente alta do Bane ao meu ver foi uma tentativa de dizer que a focinheira possuia alguma espécie de amplificador embutido e que além de reduzir a dor funciona como um megafone. É óbvio que não ia passar um erro de edição desse naipe no ultimo filme da trilogia nolaniana do batima.
    Eu preferia os grunhidos quase inaudiveis do Bane, o que reforçaria a idéia de focinheira. Tá na cara que essa mudança foi de ultima hora por pressão do estúdio. Isso de forma alguma pode desvalorizar o trabalho dele já que não foi sua idéia inicial o Bane usar um megafone.

    Eu gostei da porradaria no esgoto que o Bane da no batima, e a moto que gira as rodas pra absorver momentum na hora da curva são mucho loco apesar de improvável.

  24. Parabéns pelo podcast moçada! Baixei e ouvi no dia seguinte, logo após ter assistido o filme, afinal sempre prezo opiniões adversas e claro, as opiniões de vocês do Jwave. Confesso que vocês apontaram muitos detalhes que eu não tinha me tocado até então, principalmente as falhas na trama. Ainda assim, amei o filme. Para mim foi o filme do ano (por que Django Unchained só sai aqui em Janeiro… #chatiada). Sou muito fã do Batemá, by my own way.

    Aguardo ansiosamente mais dois podcasts, um sendo sobre o Begins e outro sobre o Dark Knight. Seria muito maneiro escutar as opiniões de vocês sobre toda a trilogia do Nolan. 😉

    E ah, antes que eu me esqueça, preciso comentar algo que me incomodou um pouco… O linguajar utilizado no podcast (principalmente pelo digníssimo Cal). É pessoal, afinal vocês podem moldar e falar o que bem entenderem e/ou quiserem. Mas me incomodou um pouco o excesso de palavras inapropriadas.

    No mais, longa vida ao Jwave! Beijos! <3

      1. Eu já assisti e curti e tudo mais, mas o linguajar nessa redublagem também me incomoda um pouco. Como eu disse, é pessoal mesmo. 😛

        Nesse podcast em específico eu esperava uma conversa mais refinada, mas foi só um ponto pessoal que eu quis comentar. :*

  25. Assisti hoje o filme do Batman, a primeira recomendação é que aqueles que tiverem a possibilidade de ver em Imax, façam isso. Quanto as minhas impressões, para mim é um bom filme e merece ser assistido nos cinemas.

    Bem voltando ao Podcast, concordo com vários pontos de vista apresentados, principalmente o fato do "Cavaleiro das Trevas" lutar em plena luz do dia, o que não combina em nada com o personagem. Outro ponto que me incomodou muito foi o momento "Coração Valente" da Polícia quanto ao grupo do Bane, só faltou o grito Freedom , he he he.

    Agora há de se destacar vários pontos positivos apresentados, a atuação fantástica de Michael Caine, a boa caracterização da Celina Kyle com belíssima Anne Hathaway, a destruição da cidade, mas principalmente o final dado ao personagem, o que só isso faz valer o filme.

  26. .

    Pra quem não intendeu, o lance da revolução do bane era aquilo que ele disse pro bruce, de antes de acabar com a cidade dar um fio de esperança e tal.

  27. Duas coisas que fizeram o público não gostar de TDKR:
    1 – Achar que iria superar o anterior. – Em hipótese alguma, o Coringa de TDK será superado (salvo quando algum outro ator se dedicar tanto quanto Heath Ledger).

    2 – Achar que filme de super-heróis precisa seguir a regra de Michael Bay ou mesmo Vingadores. Dizem que Batman precisa ser detetive, e detetive luta? Acho que não.. muito contraditório o cast fora o mimimi geral
    My recent post [Review] Fringe – 4ª Temporada

    1. Só toma cuidado, Vingadores e Michael Bay são coisas completamente diferentes, é meio besta tentar ofender as pessoas falando que o filme parece Michael Bay. O público que foi ver Vingadores, Transformers E Batman é o mesmo, os produtores forçam os 3 filmes a agradar esse público.

      Ninguém falou que Vingadores é melhor que Batman por ser um filme com mais ação. Pra falar a verdade, o Batman tem tanta ação quanto, tem até a cena de 20 minutos de porradaria sem parar no final.

      Batman é detetive E luta. Todas as versões dele tirando a do Nolan, ele é detetive e luta. Sério. O batman do Nolan não é detetive E não luta.
      Sherlock Holmes é o detetive mais clássico que existe, e adivinhe? Ele luta! Nos livros, ele luta arte marcial JAPONESA, isso em 1880, quando ninguém falava de arte marcial, não me refiro a versão dos filmes dos anos 60 onde ele é um cara paradão.

      Por fim, eu acredito que TDK será superado. Não sei quando nem quem, mas existem atores por ai que mandam melhor que o Ledger mandava, é só surgir a chance deles de pegar um papel que tenha tanta oportunidade de expansão, roteiro bem escrito e tudo mais.

      Alias, esse negócio do MIMIMI já encheu o saco. Se as pessoas tem a mesma opinião que você, não importa o quando ela critique quem não gosta, não é mimimi. Agora se ela discorda de você, não adianta argumentar que é Mimimi. Pra mim é meio desculpa de quem não quer ouvir opinião contrária. Opinião nunca é errada, e é perfeitamente aceitável ter opinião diferente.

  28. Comer o cu deleComer o cu deleComer o cu deleComer o cu dele
    BAtemanBAtemanBAtemanBAteman
    Francamente, ficar repetindo as coisas assim em um podcast é muito chato…
    Legal de vocês direcionarem o podcast para pessoas que já assistiram, então não precisa descrever o filme parte por parte…
    Abraço

  29. Depois de muito tempo e pensando muito bem sobre Batman TDKR, pensei, poxa o filme é bom, mas antes de falar de Rises temos que falar dos outros… Dark Knight é super legal e não acho que seja o Coringa que deixa aquele filme foda, deixa ele mais foda, mas ele é um filme fantástico por si só, ele tem um roteiro bem redondo, ele tem cenas fantásticas e ele tem alguns poucos erros. Begins é um dos melhores filmes de origem já feitos, ele realmente constrói um personagem em detalhes tanto na parte física e de apetrechos e armas e tal, quanto na parte psicológica e isso num filme do Batman fica muito bom. Mas Rises apesar de todas as suas qualidade, apresenta mais erros que qualidades. Vi muita gente dizendo que se o primeiro foi bom, o segundo foi melhor, NÃO TEM COMO o terceiro ser ruim, olha , tem sim. Acho que esse talvez seja nossa frase mais perigosa: TEM QUE SER, parece que o filme ao ser anunciado já vem com uma marca gravada à ferro em suas costas. Isso deixa a nossa visão muito turva para as coisas a nossa volta. Todo filme PODE ser bom ou PODE ser ruim, mas ele nunca TERÁ QUE SER bom ou fodástico, porque se ele não for bom e todos acharem bom, aí as pessoas enganarão a si mesmas e se você engana a si mesmo, qualquer um poderá te enganar depois disso. Spielberg já errou, George Lucas já erros, Michael Bay já errou, Charle Chaplin… bom ele não errou, mas enfim, diretores podem errar, podem ter falhas e Nolan errou muito nesse filme. E muita coisa técnica, óbvio que, ao compararmos ele com o anterior, vemos uma queda de qualidade, eu gostaria que Rises fosse o melhor filme de Batman do Nolan, mas ele é o pior, uma pena mesmo. Melhor sorte na próxima… quem sabe alguém pegue o Batman e faça bem naquela pegada da série animada, pode dar muito certo, mas PODE, não TEM que dar muito certo!

  30. Porra pessoal… é melhor que todos os filmes da Marvel Disney.
    Eu até evito escutar os podcasts sobre filmes da Marvel, porque são muito ruins, cara.
    É sério. Thor é um dos piores filmes que eu já vi na minha vida.
    São filmes pra agradar todo mundo, aí acabam sendo uma merda.
    Eu fiquei enjoado de tantas vezes que o Thor apareceu sem camisa.
    E as garotas do filme ficavam todas "Ui, eu estou molhada"
    Filmes maneiros da Marvel: Kick-Ass e X-Men: Primeira classe
    Será que rola um podcast de Kill Bill?

  31. Este foi mais um dos jWaves que eu pulei na época do lançamento pois ainda não havia assistido o filme Batman TDKR e não queria tomar Spoilers na cara (característica comum dos jWaves de filmes lançamento).

    Ouvindo-o agora concordo com muitas das opiniões dadas pelos participantes! E o que a DC/Warner vai fazer agora que o Nolan "finalizou" o universo dele do BATEMA? Como deverá ser o próximo filme?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.