JWave #173: O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro No ratings yet.

Reproduzir
Reproduzir

Capa site 173

O amigo da vizinhança chega em O Espetacular Homem-Aranha 2 que conta com nada menos que 3 vilões e indícios do famoso Sexteto Sinistro. Fãs dos aranhas nunca respiraram tanto universo dos quadrinhos nos cinemas com essa nova adaptação que adapta uma das sagas mais famosas dos quadrinhos.

Temo o retorno do casal Gwen e Peter, além disso temos a volta de Harry aos EUA, seguido da morte de Norman Osborn, e o nascimento de Electro.

Muita ação, mitologia e um dos momentos mais icônicos das histórias do Aranha acaba de ganhar vida nos cinemas.

Qual é o mistério dos pais do Peter Parker? Juba, Marvin, Wellington Macgaren ( Aracnofã ) e Sérgio Sampa (88 milhas) falam tudo o que acharam do filme o que vem por ai nos dois próximos filmes do Aranha e mais um do Venom e outro do Sexteto Sinistro.

Obs: Podcast repleto de spoilers!

PARTICIPANTES



TEMA
O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro
Marc Webb
Alex Kurtzman
Roberto Orci
Jeff Pinkner
Andrew Garfield
Emma Stone
Jamie Foxx
Dane DeHaan
Chris Cooper
Paul Giamatti
Sally Field
Felicity Jones

ESCUTE TAMBÉM

JWave #99: O Espetacular Homem-Aranha

INDICAÇÃO

Homem Aranha 3 – Blu-ray
Homem Aranha Vs Doutor Octopus – DVD
Demolidor Vs. Homem- Aranha – DVD
Homem Aranha – A Saga de Venom – DVD
Homem Aranha – O Retorno do Duende Verde – Dvd
Homem Aranha – O Último Confronto – DVD
Homem Aranha – Como Tudo Começou
Marvel Collection – Vol. 1 – Homem Aranha

ITUNES


Lembre de avaliar o JWave no iTunes

GRUPO JWAVE NO FACEBOOK
https://www.facebook.com/groups/564490263589100/

Comentários

comentários

Please rate this


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
  • nivaldo

    Karaca, o Jwave ultimamente só vem com temas fodásticos , já baixei e já vou escutar o primeiro grande podcast sobre o novo Homem Aranha 2!!!

  • rafael

    eu sinceramente fiquei decepicionado esperava mais desse filme

    • Danilo Mortari

      Ja eu achei um dos melhores filmes de Super Herois q vi

      • Giuliano Peccilli

        Tb achei um dos melhores filmes que pude assistir em 2014.

  • Danilo Mortari

    Quando vi o tema fui correndo assistir o filme, gostei muito tanto do filme como do cast, e ri muito do final vcs falando de Superior Homem Aranha

  • Renver

    Cara a hora que o Duende Verde sequestrou ela, minha alma inteira arrepiou…

    EU QUASE APLAUDIU O FILME NESSA HORA!!!

    O DIRETOR FOI MUITO CORAJOSO.

    Legal foi o silêncio no cinema, e a revolta da galera na saída:

    "Droga por que mataram ela cara!!!"

    —-

    E outra coisa eu adorei MoS, mas a cena dramática desse HA foi bem mais construída e perfeitamente prolongada e explorada.

    • Danilo Mortari

      Eu ouvi comentários na saída do cinema: "Mataram a Mary Jane loira"

      • Giuliano Peccilli

        Tb ouvi várias pessoas se referindo aGwen, como Mary Jane loira.

  • Eu gostei do filme.
    Alguns momentos achei emocionantes, como a conversa da tia May com o Peter no quarto dele. Gostei como foi preparado o final do filme pra formação do Sexteto Sinistro e quero sim ver esse filme! Eles se unindo pra atacar o Aranha.
    O Sentido de aranha ficou sensacional!!! Reparei que sempre que ficava em câmera lenta ( mas não só nesses momentos) era o sentido aranha em ação!
    Diferente dos participantes do podcast gostei muito da trilha sonora, principalmente o tema do Electro, que começa com sussurros e vai se elevando até uma explosão, como se fossem vozes na mente do Max, excelente!
    Ah! Sobre a "moeda de um real" que ele usa no metrô, era utilizada no sistema antigo de trens. O laboratório secreto deve voltar a ser utilizado, é o tipo de coisa bem comum na mitologia do heroi.
    Vocês viajaram um pouco sobre o notebook utilizado no avião. Gente, aquilo aconteceu a 8 anos, era 2006, não anos 80 ou 90 como alguém comentou!!!!!! Wifi não era comum, tanto que ele tem que conectar o cabo do equipamento, mas ja tinha internet, até mesmo em aviões!!
    http://www.notebookreview.com/news/sony-vaio-fe-a

    No mais, um abraço!!! Até a próxima.

    • Giuliano Peccilli

      Diogo,

      Eu adorei o filme e adorei o sentido aranha tb.

      Sobre a trilha sonora, a opinião sobre a mesma foi do MacGaren, mas confesso concordar com ele. A trilha sonora do novo Aranha não tem personalidade, um defeito que o Batman do Nolan tem, que Superman tem, mas que filmes da Marvel Studios não sofrem desse mal. Pode ouvir música tema de todos os filmes e você saberá quais são. Já não diria isso do Aranha.

      A música do Electro eu gostei, confesso que a trilha sonora é dividia em Aranha, Electro e Duende Verde. As 3 músicas são boas, mas a trilha como um todo, ela peca em personalidade. Chego a dizer que ela é mais fraca que a do primeiro. Mas isso é gosto pessoal.

      Sobre a cena do avião, eu acho que foi o Sergio ou Marvin, mas o que eu falei que a "velocidade" de transferência de dados era muito alta pra época. Sobre a data, eu achava que por Peter ter 16/17 anos em 2011, essa cena do avião se passaria em 2000/2001, já que aquele garoto como Peter devia ter uns 7 a 8 anos. Em 2000/2001, achava que os notes eram mais antigos, mas isso é opinião pessoal.

      O laboratório do herói é uma coisa que eu só lembro nos anos 80 e se voltar, acho bem vindo.

      Obrigado pelos comentários e abraços.

      • Renver

        O TDK tem uma trilha marcante… e isso é fato.

        E pra mim o TDKR também (mas isso já pode ser contestado)…

  • Ainda não ouvi o cast, mas já antecipo que adorei o filme e já o incluo na lista das melhores adaptações de HQs.
    Adaptações e liberdades de criação à parte, o filme passa de uma forma muito boa o espírito do Aranha.

  • Flavio Gomes

    Visualmente, o filme é lindo, mas como historia, o homem peca muito, por exemplo, eu sei que muito fâ-boy vai chiar mas, a mocinha morrer, que heroi que não consegue salvar a mocinha?! Eu sei que ele devia uma certa fidelidadade com o material original, mas esse tipo de fidelidade era dispensável. O pai dela morreu no primeiro filme, ela precisava morrer também?!
    Como patrulha estelar estelar(que também me decepcionou), também teve uma cagada de roteiro quando mataram o protagonista, fizeram um filme só pra agradar os tiozinhos saudosistas e só, perderam a chance de fazer uma franquia que se fosse nos estados unidos rivalizaria com Star trek.

    • Giuliano Peccilli

      Eu não acho um erro, pq uma coisa que não falta para o personagem são coadjuvantes de peso.

      Temos desde a Felicia, Oscorp, que pode funcionar os dois com uma enorme tensão, sendo ela uma bandida e ele um herói. Também temos a Mary Jane que vai preencher a lacuna da Gwen, além do trauma da morte da personagem no histórico do Peter.

      Acho que a morte faz parte do personagem, justamente por mostrar o fardo que é se tornar um herói.

      Particularmente eu não gostei da personalidade do Electro, mesmo gostando muito visualmente. Tirando isso, o filme está redondo pra mim e segue em frente.

      Uma das merdas é que é um mal dos roteiristas (mesmo erro em Star Trek), em que tudo acontece numa coincidência absurda. A exemplo do Capitão Kirk ser deixado no mesmo planeta e ir parar na mesma caverna que estava o Spock. Aqui temos repetição dessa "sorte", em diversos pontos e isso me irrita profundamente. Só que como é uma marca dos roteiristas, acabei me acostumando com isso.

    • É isso que diferencia o Aranha de outros heróis: Ele é falho e nem sempre consegue salvar o dia. A história do Aranha sempre foi marcada por tragédias e como o personagem lida com elas. Nada de girar a Terra ao contrário pra fazer o tempo parar, por exemplo. Gostei da Sony ter tido a coragem dessa vez de matar a Gwen (já que no primeiro filme do Raimi arregaram)

  • Momento de utilidade publica. Não se lavam nem se remendam bandeiras nacionais. Quando elas se sujam ou rasgam elas tem que ser entregadas pra representantes do poder publico (no Brasil podem ser quarteis ou juntas de serviço militar) para serem incineradas numa cerimonia especifica (no Brasil é sempre dia 19 de novembro, dia da Bandeira)