JWave #200: O Fantástico Jaspion No ratings yet.

Reproduzir
Reproduzir

JWave Capa 200 Post site

O JWave comemora 5 anos em novembro e para comemoração ser completa fazemos um especial de quase 2 horas sobre a série Jaspion e sua importância no Brasil.

Falamos tudo de seu lançamento no país pela Rede Manchete no começo dos anos 90 e da febre que foi o lançamento das VHS nas locadoras.

Passando pelo gênero Metal Heroes, trilha sonora, produção de quadrinhos entre tantos outros produtos derivados da série no nosso país.

Para fazer esse cast, convidamos Mavericko, Stunts, Nerdmaster para complementar a dupla Juba e Calliban que irão falar tudo sobre a série que fez a felicidade da criançada no início dos anos 90.

PARTICIPANTES




COMENTADO NO PODCAST

Metal Heroes
Gaban
Sharivan
Shaider
Jaspion
Metalder
Jiraya
Jiban
Wispector
Solbrain
Excedraft
Blue Swat
Changeman
VR Troopers
Ai Takano
Akira Kushida
Rede Manchete
Rede Globo
Gazeta
TV Asahi
Toei
Bandai

INDICAÇÃO

Double Movie – Changeman + Flashman – Vol. 1 – Dvd4
Changeman – Edição Colecionador – Lata Com 5 DVDs + Uma Camiseta
Flashman – Comando Estelar – Edição Especial de Colecionador – Coleção Completa – 10 DVDs
Jiban: Policial de Aço – 10 DVDs

SUGESTÕES, CRÍTICAS E DÚVIDAS
Envie e-mails para: jwavecast@jwave.com.br

Comentários

comentários

Please rate this


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
  • Diego Miyabi

    Bom, coloquei pra baixar, n ouvirei pela metade se der error XD
    Bom minha singela homenagem é apenas os meus parabéns e de ser o melhor podcast do Brasil. Que venha mais X anos, para todos estarmos de cabelos brancos, vidas feitas e apreciando os gostos similares.

    Eu lembro certinho de como conheci o JWave:
    Eu estava afim de conhecer podcasts novos, aí o Léo Mendes, que já foi DJ da Radio Animix (O Juba conhece ele) posta um comentário sobre o podcast de X-Men na TL. Achei o máximo o tema, pq n tinha ouvido podcast de quadrinhos americanos, era novidade pra mim. PORÉM eu entro no site e me deparo com podcast de Power Rangers. Minha cabeça explodiu pq até hj é um tema raro pra podcst, Então meu primeiro JWave foram as 2 partes do Podcast de PR. XD
    Aí sim dps fiz a famosa maratona. Tamo junto 🙂

    • Giuliano Peccilli

      Faz todo sentido do mundo você ter começado com Power Rangers.

      Bem a sua cara.

      Rs.

      • Diego Miyabi

        Disserte sobre, achei irônico XD

        • Giuliano Peccilli

          Vc sempre está ligado com PR e Sentais, por isso natural que fosse PR ou Cybercops o cast que você começou a ouvir.

          Simples assim, Sherlock rs

          • Diego Miyabi

            HAHAHHAHAH tá certo XD

  • Diego Miyabi

    Bom o problema continua. Já divulguei nos grupos de tokus XD
    Terei que arranjar um modo alternativo pra ouvir 🙁

    • Giuliano Peccilli

      Problema resolvido.

  • Bruno Pakarelli

    Nao gostei do tema mas vou ouvir mesmo assim …. rsrsr

    Ae vou continuar com minhas dicas rsrsrs quel tal Jwave de Buffy, a caça vampiros? ja ouvi em varios casts vcs falando sobre isso mas nunca saiu 🙁

    • Giuliano Peccilli

      Buffy ta na lista faz uns 4 anos. Falta só marcarem para eu fazer maratona. Já comentei isso inclusive.

  • Diego Miyabi

    “More Than Words” NOOOOOOOOOOOOOOOO vcs querem me puxar pro passado ms xD Ah e obg pelo abraço 🙁

    • Giuliano Peccilli

      ^^

  • Diego Miyabi

    PQP N É QUE SONHEI COM Beetleborgs HJ, E sai esse podcast, coincidência? Acho que não.

    • Giuliano Peccilli

      Sonhar com Beetleborgs? Eu chamaria isso de pesadelo.

      • Diego Miyabi

        Mas nos sonho era foda, fui correndo assistir. AGORA pq sonhei com isso n tem sentido nenhum XD

        • Giuliano Peccilli

          Sonhou pq era pesadelo rs.

    • Stunts

      Eu curtia beetleborgs mas agora tenho medo de participar de um cast só pq eu curtia na época.

  • Gari, chégas do Boris Casoy .

    Emocionei , tema foda Demorou mas saiu Jaspion , vou baixar e vou ouvir tomando um belo vinho a luz de velas.

    • Giuliano Peccilli

      Queremos fotos!

  • Gari, chégas do Boris Casoy .

    Timaço de primeira nesse podcast.

    • Giuliano Peccilli

      Opa!

  • Diego Miyabi

    Ele fez a Viagem tb, o Carlos Takeshi. Era jardineiro do Antonio Fagundes.

    • Giuliano Peccilli

      Verdade. Todo mundo lembrava dele com a Viagem também. Passou batido por mim.

      • Diego Miyabi

        A Viagem eu assisti todas a vezes que passou na TV. É raro alguém saber que o nome do mascarado é Adonay

        • Giuliano Peccilli

          Eu sei pq saiu matéria sobre o dito cujo devido a reexibição no Viva

          • Diego Miyabi

            Marcou minha infância esse personagem, me dava medo e misterioso ao msm tempo. O Daigo adora essa novela (Desculpe ter falado isso Daigo xD)

  • Queria ser o primeiro a postar isso aqui!

    • Gari, chégas do Boris Casoy .

      KKKKKKKKKKKK, Genial .

  • Giuliano Peccilli

    Esperando a galera comentar aos montes…

  • Diego Miyabi

    Olha que os Tokusatsu de hj tá melhor que os animês hein XD Anime decaiu muito XD

    • Giuliano Peccilli

      Relativo isso. Super Sentai decaiu muito depois de Gokaiger.

      Não saiu nada tão bom quanto. (e nem falo pela nostalgia, mas pelo roteiro mesmo).

      Kamen Rider saíram algumas produções interessantes, mas só.

      • Diego Miyabi

        Opa, Go-Busters teve um roteiro bom.
        E W em diante foi de boa tb.

  • Rafael de Andrade

    Parabéns por mais essa marca alcançada!
    Que venham mais duzentos =)

    • Giuliano Peccilli

      Obrigado! Será que chegamos em dez anos?

      • Rafael de Andrade

        Acho que chegam sim, vocês tem um público que apoiam e gostam muito de seu trabalho.
        Só tenho achado um pouco que esse público tem participado menos do que antes (talvez os passivões estejam se multiplicando)

  • Diego Miyabi

    Bom, eu n reassisti Jaspion, só tenho na lembrança msm e tenho preguiça de vê-lo. Agora Jiraiya, Winspector, Solbrain, Kamen Rider Black e RX, eu revi a pouco tempo e n me decepcionei. Eu vejo por diversão msm, se quisesse algo profundo eu leria um livro XD

    Mas sei que Jaspion foi um divisor de águas e tá aí na memoria dos brasileiros.

    Ah sobre a abertura do cast ficou massa e vlw Juba por ter baixado pra mim XD

    • Giuliano Peccilli

      O pessoal é reclamão rs.

      Eu sei que Jaspion foi feito pra crianças de 5 a 10 anos no Japão nos anos 80. Pensando assim, eu sei que não posso exigir tanto da série.

      O que me incomoda em Jaspion é a barriga no roteiro. Eu diria que 70% da série é barriga e poderia ser resolvido tudo em 8 a 10 episodios. Por isso culpo o roteiro de Jaspion, mas o resto… de boa.

      Agora Jiraya não é tão bom assim não. Muita viagem na minha opinião. Black é melhor na mémoria do que revendo e RX é uma lástima.

      Sobre Wispector e Solbrain… Ambos continuam bons.

      • Diego Miyabi

        HAHHAAHA eu até hj n revi nem Cybercops kkk, quero ver Metalder e Exceedraft (Que finalmente está sendo legendado por um brasileiro que é fluente em japonês obviamente, nem legenda gringa tem xD)

        Sobre Tokus recentes, assista GARO ou Gouraigan, é outro esquema XD
        Os filmes recentes dos Detetives Espaciais ficaram ótimos (apesar de eu ainda n ter assistido o do Shaider pq né…..kkkk)
        E Kikaider parece que ficou bom tb.
        E Esqueceram de comentar de Teletubbies, senti falta dessa referencia com a Mya xD

        • Giuliano Peccilli

          Não somos tao novos pra associar com teletubbies

        • Giuliano Peccilli

          Eu adoro Garo, mas confesso que só vi a primeira temporada e os ovas ainda lá no começo

  • Vinícius B.

    Bom, ainda ouvindo o cast.

    Primeiramente parabéns pelo 5 anos, comecei a ouvir no Jwave 40 – Dragon Ball e fiz maratona dos anteriores a ele.

    Não reassiti Jaspion a pouco tempo, mas ainda pretendo revê-lo. Juntamente com Cavaleiros do Zodíaco e Yuyu Haskusho. Tokusatsu é algo que para mim é hiper-nostálgico.

    Aliás adoro ouvir trilha sonora dos tokusatsu principalmente esses da década de 80, acho excelente.

    Vocês já fizeram, JWave do Jiraiya? Eu achei que vocês já tinham feito, mas o google não me retornou, creio que eu esteja confundido com algum cast que o Juba participou.

    Jiraiya e Kamen Rider Black são minhas preferidas da época da Manchete, então já sugiro como tema do JWave essas duas séries.

    Um tokusatsu mais novo, que tem outra pegada e já indiquei outras vezes para tema é o GARO.

    Namaguederaaaz! Não morra Namaguederaaaz!

    • Giuliano Peccilli

      Só fizemos podcast de Cybercops.

      Acho dificil sair outro tokusatsu, depois do trauma que foi Jaspion para a equipe, porém eu torço para que Black Kamen Rider saia em breve.

  • Stunts

    Sei que ninguém pediu mas, o vídeo que eu tô bêbado cantando Dan dan: https://www.facebook.com/video.php?v=632931133429172

    Lá pros 0:40, eu, de camisa amarela pulando…

    • Giuliano Peccilli

      O senhor pulando super empolgado!

      • Stunts

        O carnaval de 2014 foi divertido.

        • Giuliano Peccilli

          Próxima vez convida! Acho digno contar essa história com detalhes no podcast de Merda – parte 4.

          • Stunts

            Já é.

          • Diego Miyabi

            HAHAHAHHA Tá certo Stunts, tem que curti msm.

          • Stunts

            😉

  • Giuliano Peccilli

    Para a galera entender algumas das referências.

    Espero que goste pq eu fiquei com muita vontade de ler o livro.

    http://usys222anexo.blogspot.com/2014/10/o-testamento-de-um-produtor-chorao.html?spref=fb

  • Renver

    Parabéns pelo empenho!!!

    Esses dias tentei ver Metalder (o que a galera fala que é um dos melhores do gênero Tokusatsu)… eu não consegui…não consegui.

    Imagino rever toda a série, por mais nostálgica que seja… é difícil.

  • Renver

    Parabéns pelo empenho!!!

    Esses dias tentei ver Metalder (o que a galera fala que é um dos melhores do gênero Tokusatsu)… eu não consegui…não consegui.

    Imagino rever toda a série, por mais nostálgica que seja… é difícil.

    • Giuliano Peccilli

      Metalder é depressivo e suas limitações na época o tornam tosco aos olhos de hoje em dia.

      Eu nunca consegui passar do primeiro episódio.

  • Anderson Evangelista

    Cara esse episodio poderia ser sobre corrida de caracois que ainda seria epico pelo numero rs. Mas felizmente vcs fizeram ser espetacular. Parabens. Só imagino o cansaço e a energia que vcs dedicam ao cast. Por todas as horas de informações e risadas, meu sincero agradecimento 🙂

    • Giuliano Peccilli

      Obrigado você por estar aqui sempre ouvindo o JWave.

  • Diego Miyabi

    Já que o tema é tokusatsu, assistindo ToQGer hj, o Sentai atual, e tem lá uma cena de beijo gay. Isso para um público infantil. Aqui no Brasil, na novela, que é pra adultos e passa à noite, tem uma polêmica enorme. Em PR jamais terá algo assim. Mas isso até os animes tb, msm sendo infantil, os japoneses são mais audaciosos que os ocidentais. Na época que a DC revelou que teria um Lanterna Verde gay, todo mundo ficou encabulado, como se fosse coisa de outro mundo. E n é só isso, n que eu queira comparar com PR, mas SS tem violência (pouco, mas tem) e Jetman que n deixa mentir. Ter armas de fogo, Rangers morrem e esse ex de inicio. Já que vcs dão valor mais ao “senso critico” SS seria melhor que PR, pela liberdade com tabus e principalmente voltado para o público infantil. xD (Mais ai sairá do tema, mas se quer mais “realismo” é apenas a vdd hehehehe) Mais aí que eu falo que o que importa é a diversão.
    Ah se fosse GARO nem seria surpresa, pq já é um Toku para adultos XD.

    • Giuliano Peccilli

      Culturalmente falando, o Japão não tem problema com beijo gay, porque lá o beijo e situações de caras se pegando, acabaram se tornando fetiche para público feminino, ao inverso do Brasil em que homens se sentem mais a vontade de ver duas garotas se beijando ou se pegando.

      Nos últimos 15 anos, se vendeu a imagem que tokusatsu hoje é pensando num público primário infantil e num secundário que são as donas de casa e estudantes. Por isso séries como Kamen Rider, o foco são em homens “mais bonitos” e que façam fama com elas. Por isso que musicalmente KR mudou e abraçou AVEX enquanto Sentai ainda ta com a Columbia.

      Mas isso não é hoje, existem filmes e obras de temática yaoi e shonen ai há mais de 50 anos. Já existe uma cultura de produção de histórias que agrade uma parcela do público feminino que gostem de homens se relacionando (algo meio precário em relação a Yuri).

      Outra coisa é que a cultura japonesa não existe o “machismo” ou “coronelismo” que a sociedade brasileira tem. Se no ocidente foi o filme do Ang Lee que abriu os olhos do mundo, no Japão esse tipo de cultura existe há tempos.

      Já assisti filmes do começo dos anos 80 com essa temática no Japão. E na época usavam garotas para interpretar garotos, até presumi e conclui que isso deva ser pela dificuldade de elenco e também pela leveza nos personagens que é algo mais fácil em consegui nos anos 80 com garotas do que com garotos (algo que hoje não precisa mais).

      Mas eu não duvido que séries americanas abordem isso com mais naturalidade daqui uns 5 a 10 anos, principalmente porque Obama levantou a bandeira e fez suas mudanças por lá. Algo que a longo prazo, pode acontecer, porém ainda não devido a uma sociedade careta (idem Brasil).

      Aqui no Brasil, eu já acho que batemos em ponta de faca. Existem extremos e estamos longe de uma neutralidade para vermos com tanta naturalidade o surgimento de obras assim para públicos diferentes que os adultos. Mesmo assim, as séries nacionais da tv paga abordam o tema com naturalidade com beijos e outras coisas que fazem inveja a caretice das novelas na tv aberta (para você ver a diferença de públicos existe no Brasil e é imensa).

      Quanto a Garo, eu vi apenas a primeira temporada. Preciso ver o resto, mas diria que foi graças a Garo que temos filmes como Gaban, em especial Sharivan e Shaider que tem abordagens mais adultas e condizentes para esse público que cresceu com gênero. Tiro meu chapéu a Garo que atravessou o planeta e passou em diversos países, mas permanece inédito aqui.

      Desculpa a resposta meio longa.

      • Vitor Urubatan

        Rsss caraca TCC de cultura japonesa.
        Mas legal a explicação.
        A cultura do ocidente é diferente, por isso estranhamos muita coisa vinda do Japão.

        • Giuliano Peccilli

          Pelo visto eu exagerei na resposta pra ter virado TCC rs.

          • Vitor Urubatan

            Nada cara! Estava apenas brincando. Faz sentido o que você disse.
            Eu estava conversando com um camarada meu a respeito do Metal Gear Rising o fato do personagem principal ter salto alto e outras coisas que para nós é mais “feminino”. Pois bem, o oriente tem uma visão diferente sobre androgenia e assuntos que para nós não são bem aceitos culturalmente.
            A ideia de tentar ponderar às vezes faz a diferença. O problema é que muitas pessoas no Brasil não possuem o costume de ler mais a respeito. Rsss eu me incluo muito no preconceito e não aceitação de certos “estranhos” costumes de outras culturas. Mas se cada estiver na sua está de boa hahaha!

          • Giuliano Peccilli

            Não pense que eu sou diferente. Eu parei de ver animês pelo excesso que hoje a animação japonesa sofre. Seja o lolicon desenfreado ou outras características que me fizeram fugir do formato. Hoje, eu assisto animês, mas numa quantidade muito menor.

          • Vitor Urubatan

            Rsss concordo em gênero, número e grau. Eu estou muito mais seleto com os desenhos japoneses. Aliás com a cultura de entretenimento de forma geral. O último desenho japonês que gostei de verdade é mais ou menos é o dos gigantes lá “xinguei o queijinho”. Edit* Achei o nome aqui “shingeki no kyojin”.

      • Diego Miyabi

        Gostei da resposta, n teve problema algum ser grande.
        Eu acho que somos (Aqui no Ocidente e Brasil incluso, obviamente) subestimado pelos empresários/empresas. Eles parecem que tem receio, sem dúvida nós subestimam um pouco.
        Sobre o fato de eu ter citado essa característica, n foi em hipótese alguma babação de ovo pro Japão (apesar de eu ter consumido e consumir muitas coisas criadas por eles) temos sempre extremos. Nessa abordagem que vc msm citou, eu reconheço e tiro o chapéu, por outro lado, tem os que já devo ter citado que detesto, como Lolicon/Shotacon e tentáculos. Bom, mais aí é outro assunto rs
        Sobre o que o Vitor falou é bem verdade, eu vejo muito em grupos de Tokusatsus o pessoal criticando a série pelo fato do cara ser “frágil” (lembrando que é só uma característica, nem gay o personagem é, e aí entraríamos em outro assunto que é a sexualidade xD). Se a pessoa n estiver trollando, vc vê que ela se sente incomodada com isso, n vou falar que é preconceito, pq n sou de julgar ngm, principalmente antes de conhece-la.
        E sobre GARO, tá indo bem, pq já foi confirmado um monte de coisas por ano que vem, virou uma franquia msm.(E o melhor que todas tem ligações diretas no enredo). Além de Séries Toku e filmes, vai sair um segunda temporada e um filme do anime (Posso estar falando uma bobagem, mas está me parecendo adulto tb, igual o toku, me lembra vagamente Berserk)

        • Giuliano Peccilli

          Uma coisa que os japoneses trabalham e os brasileiros não entendem é que eles trabalham segmentados, enquanto trabalhamos por massa.

          A audiência no Japão é trabalha por gênero, idade e gosto, enquanto no Brasil por mais que exista estudos e dados sobre o nosso público e perfil de cada faixa, não funciona assim. E fica claro que quanto mais a noite, mais as produções brasileiras tem obrigação de ter uma audiência maior, por isso massifica o máximo que pode, o que na minha concepção, a tv brasileira não agrada ninguém.

          É complicado falar isso pq estamos falando de extremos e lógico que existem pontos positivos e negativos de cada abordagem. Agora, eu pessoalmente gosto de produtos segmentados. Funcionam melhor comigo, por isso hoje o que mais me agrada são produções na tv fechada, como as séries produzidas pela GNT.

          É uma discussão longa essa.

  • Vitor Urubatan

    Caraca eu ia na casa do amiguinho meu de infância para assistir esse seriado. Nem lembro mais do nome ou da cara do moleque.
    Era assistir e depois sair dando porrada no ar no quintal de casa.

    • Giuliano Peccilli

      Acaba jaspion as crianças do meu prédio desciam pra brincar de Jaspion e Changeman.

      • Diego Miyabi

        Tudo que eu assistia naquela época, era assim, terminava e saia procurando pra zoar e na escola que a porrada (em forma de brincadeira, claro) rolava solto. E sempre era algum personagem e gritava aos 4 ventos, imitando os golpes…. Muito bom….. me fez lembrar disso

        • Vitor Urubatan

          Rsss malandro na escola brincávamos de Mortal Kombat. E descíamos a porrada um no outro. Cavaleiros era a mesma coisa, se eu falar que essas paradas não incentivava é mentira. Mas nos divertíamos bastante.

          • Giuliano Peccilli

            Na minha época se brincava mais de Cybercops gritando os golpes. Anos depois faziamos a mesma coisa com Cavaleiros e X-Men Animated. Bons anos 90. XD

          • Diego Miyabi

            Eu fiz muito com CDZ, Shurato, Yu Yu Hakusho, Winspector…… O curioso que um amigo, que é um dos melhores amigos que tenho inclusive, eu fiz amizade com ele com 11 anos e ele já me disse que lembra de mim fazendo o Pó de Diamante na escola (Estudávamos na msm escola, porém ele é mais novo e nunca nos conhecemos por lá) quando eu tinha uns 7 anos LOL (Sem piadas de Libra rs)

          • Giuliano Peccilli

            Normal. Eu lembro de ficar soltando “Cólera do Dragão” quando era criança

  • Vitor Urubatan

    Caro Giuliano quando teremos um cast de Evangelion 3.33?
    Até hoje o cast de vocês de EVA foi o melhor que já ouvi. Bem informativo com zuera e opiniões interessantes por parte dos participantes. Depois que ouvi o cast criei uma história para narrar um RPG, baseado em coisas que havia lido em fóruns americanos e até comentários de vocês no Cast. Então por isso minha pergunta, estou ansioso para que comentem novamente a respeito dessa série que tanto gosto.

    • Giuliano Peccilli

      Teremos gravação em breve. Tema estudado e só esperando gravação rolar. Estamos finalmente prontos para encarar Evangelion 3.33.

      • Vitor Urubatan

        AÍ SIM Meu velho! Caraca tu fizeste o maluco aqui ganhar o dia.
        Eu juro que procurei um cast maneiro de Evangelion, mas nenhum superou o da tua galera ai.
        A propósito, Parabéns pelos Cinco Anos. Fico contente que tenham ouvido os feedbacks. Uma coisa que havia sugerido a muito tempo era um participante que intermediasse as pessoas que entendem bem sobre os assuntos e os leigos como eu. Que tem dificuldade de entende-los devida o não acompanhamento total da cultura japonesa (Seja de Anime, Novela e tudo mais). O fato é que muitos dos Jwaves casts eu não consegui ouvir até o fim por não conseguir me conectar ao assunto.

        • Giuliano Peccilli

          Quanto a isso, o JWave mudou para agradar esses ouvintes. Criamos novos blocos, estamos com membros que não manjam tanto do assunto e toparam participar (tipo Guerra Civil) e estamos tornando o podcast mais acessível para quem é não é tão nerd igual a gente.

  • Marcelino Pinheiro

    Jaspion foi o primeiro seriado japonês que assisti, lá pelos meus 12-13 anos assistindo direto na finada Manchete. As músicas eram emocionantes (para uma criança!). A da transformação e luta do Daileon então…

    Pôxa… gosto muito do seriado do Jaspion. Fiquei realmente triste pela forma com que foi tratada neste episódio especial. Sei que vocês sempre fazem comentários “engraçadinhos” sobre as séries que falam no JWave, mas desta vez foi too much…

    Deu para ver que trataram com pouco carinho e sem saudosismo algum. A preocupação maior era em tentar fazer uma piada melhor que a outra.
    Realmente não é uma boa ideia assistir tudo em maratona pois estava na cara que estavam com raiva do seriado.

    Faltando uns 40 minutos para terminar eu não aguentei e tive que pausar e excluir este episódio. Não pude ficar quase duas horas ouvindo falar mau de uma série que gosto tanto.

    Gosto muito do trabalho de vocês, apenas sugiro que não façam mais episódios especiais para falar mau de uma série ou de algo que vocês não suportam.

    Abraço e sucesso para vocês.

    • Giuliano Peccilli

      Marcelino,

      Não entendi seu comentário.

      Reconheço que alguns membros não curtiram Jaspion e briguei como ninguém para que o podcast fizesse uma homenagem digna.

      Pedi para o Calliban para editarmos e tirarmos qualquer ofensa gratuita a Jaspion, tentando ao máximo fazer um podcast em homenagem a tokufans.

      Ficamos duas semanas gravando blocos de curiosidades de Jaspion sem criticas.

      De 3 horas de cast, o JWave transformou em 1 hora e 20, deixando 20 minutos para os correios em comemoração a 5 anos.

      Agradar todo mundo? Não vai, mas eu briguei e discuti para que esse podcast saísse como eu queria. Fiz uma puta homenagem ao gênero metal heroes, tokusatsu no Brasil e mil coisas.

      Eu já assisti Jaspion zilhões de vezes e defendo a série. Agora, não da pra tampar o sol com a peneira e falar que a série é só elogios. Ela tem defeitos, mas tem seus pontos positivos também. Tentei realçar ao máximo os pontos positivos, mas não omiti os negativos. Então me magoa e muito ler um comentário igual o seu pq eu fiz o meu melhor pra agradar os fãs de Jaspion.

      E todos os outros comentários (o seu foi o primeiro negativo) provam isso… Todos meus amigos da época que eu frequentava foruns de tokusatsu elogiaram o cast. Então se todos eles falaram que eu consegui fazer o melhor pra eles, eu esperava alcançar meu objetivo. Terei que refletir e ver aonde está o erro então…

      Abraços e espero que continue nos ouvindo.

      • Marcelino Pinheiro

        Não disse que a série era só elogios. Mas até poderia dizer que não escutei elogios durante o tempo que ouvi.

        Não se preocupe que não vou parar de ouvir vocês pois admiro muito o trabalho que fazem. Só não quis ouvir este específico pois é duro ouvir amigos falando só mau de uma coisa que gostamos.

        Os blocos informativos são PERFEITOS. Claro que não dá para agradar a todos, mas não precisa ficar sentido pois “apenas um comentário negativo dentre vários”.

        Desculpe ter generalizado sobre os participantes, mas você era o único que estava falando “mas tiveram episódios bons de Jaspion e…” mas logo era cortado por piadinhas. Realmente deu a entender que os outros não gostaram de assistir novamente…

        Pelo menos foi o que senti ao ouvir o episódio.

        • Giuliano Peccilli

          Marcelino,

          Todo comentário é um comentário importante pra equipe do JWave. Eu te aviso de antemão que muitas coisas que aconteceram em Jaspion não irá se repetir no futuro, porém piadas fazem parte do JWave e tirar elas, pode tornar o produto final sem graça.

    • Vitor Urubatan

      Cara eu não tive essa leitura enquanto ao podcast dos caras. É só um seriado manja. Se você assistir hoje verá que só uma criança sem opção assistiria isso. Sim é um saudosismo fantástico lembrar da infância e tudo mais. Eu lembro até hoje que em uma peça de teatro da escola queriam que eu fosse o Rei e eu queria ser o Jaspion hahaha.
      Mas não achei o cast inválido por da zuera não.

      Os caras zuaram pra caralho o Evangelion quando fizeram o cast e na realidade isso que me fez adorar o cast. Por mais que eu goste de EVA tem falhas terríveis de roteiros, personagens, conceitos e até mesmo a mitologia baseado no mesmo.

      Rss assim como você tem o direito de possuir sua própria leitura sobre o Cast.
      Mas relaxa irmão não se leve tão a sério rsss.

      Lembrando que respeito sua opinião de não ter gostado.
      Eu por outro lado curti bastante.

  • Vitor Urubatan

    Rsss não era no Jaspion que tinha um monstro que roubava os umbigos da molecada? Caraca eu consegui lembrar disso. Eu lembro que as crianças sem umbigo ficavam “doentes” Hahaha fiquei mega bolado na época.

    • Giuliano Peccilli

      Isso é Machineman. Seriado que o Stunts queria gravar JWave e desistiu depois de rever Jaspion.

      • Vitor Urubatan

        Hahaha, criança não tem discernimento mesmo para entender que aquilo era ridículo. Mas curtia a lot.

        • Giuliano Peccilli

          Vc sabe que eu só olho feio pro Machineman pelo final de bunda que ele tem. Não me incomoda ele ser o Superman japonês, mas o final criado em 5 minutos pq decidiram acabar é revoltante.

          • Vitor Urubatan

            Se disse que lembro do final é mentira cara. Rsss peço até desculpas pela ignorância.

          • Giuliano Peccilli

            Eu só sei o final de Machineman, pq um amigo levou VHS numa viagem pro interior. Isso já faz uns 15 anos. Fiquei inconformado até hoje.

          • Vitor Urubatan

            Mas que final aterrorizante é esse? Tipo final trágico de filme coreano? (Rss ainda ouvindo o cast aqui.)

          • Giuliano Peccilli

            O final de Machineman que ele vai lutar com monstro da semana e no meio do episódio ele recebe aviso que precisa voltar pro planeta dele. Simplesmente a série acaba ele deixando a fotografa que era afim dele falando sozinho e ele parte pro planeta dele sem derrotar os vilões. (agora não lembro se eles vão junto ou ficam) O final mais sem noção da história (logicamente pau a pau com Spielvan que tem outro final digno de nota)

          • Vitor Urubatan

            Rsss tipo como a vida real.
            Do nada o ministério da segurança galáctica o chamou. E o cara foi, fim de papo.
            Vou te dizer que MUUUUUUITOS animes terminam assim. Isso me dá uma raiva e me fez parar de ver animes por muitos anos. Só voltei agora com a ajuda da minha namorada.
            Exemplo de animes terminados do nada e sem nexo algum: Gantz.

          • Giuliano Peccilli

            Vc escolheu um péssimo animê em…. Gantz é ducaralho no mangá, mas no animê inventam umas firulas no meio pro final que vc fala… PQP.

          • Vitor Urubatan

            É cara eu assisto algo e não consigo parar. Porque para mim tinha ter um motivo para aquela sacanagem toda. Mas por fim o desenho não fez sucesso no Japão cancelaram e fizeram qualquer coisa lá para encerrar. Outro anime que termina assim do nada e eu estava curtindo muito é o Rahxephon. Pow que tristeza aquele final depois da série me encantar tanto.

          • Giuliano Peccilli

            O pior que tem gente q pede Rahxephon devido o cast de Evangelion.

          • Vitor Urubatan

            Muita gente fala que é cópia de um e de outro. Mas eu não tive essa visão. Eu na realidade vejo que são propostas bem diferentes e bem interessantes. Cara tem um episódio do Rahxephon que meu velho eu tive que fazer uma força de BUDA para não chorar cara. Fiquei puto com aquela merda de tão foda!

            E sim cara acho que seria legal vocês fizessem um cast desse anime. Mas me parece que poucas pessoas conhecem. E as que conhecem aponta o dedo e falam “PLÁGIO!”

  • Vitor Urubatan

    Acabei de ouvir aqui.

    Curti bastante o cast, fazia tempo que não ouvia o jwave. E posso dizer que essas “mudanças” feitas no cast me fizeram ouvir rindo.

    Eu assisti Jaspion a séculos atrás, mas eu gostava mais dos Cybercops lembrando dessa época.

    Pode ser que os mais saudosistas não tenham curtido muito, mas a verdade é que esse tipo de seriado teve seu tempo. E agora é impraticável assistir rsss.

    Feliz aniversário para todos os envolvidos no J-wave.

    • Giuliano Peccilli

      A galera gostava mesmo de Changeman e Flashman, mas os campeões mesmo era Jiraya e Kamen Rider Black.

      Pelo menos o que eu lembro que meus amigos quando eu era pequeno, eles mais curtiam.

      Eu particularmente gostava muito de Flashman e espero fazer um cast da série um dia.

      • Vitor Urubatan

        Pow Black Kamen Rider cara! Esse eu curtia bastante também! O baratão gigante, era maneiríssimo.

        • Giuliano Peccilli

          Era um gafanhoto rs

          Mas eu não quero reassistir Kamen Rider Black RX XD

          • Vitor Urubatan

            Já percebeu que todos os meus verbos estão no passado! “Eu curtia!” “Eu gostava” enfim.

            Rsss parte da nossa infância e ponto. Hoje não tenho paciência com muita coisa.

            Ai Giuliano você que é o Kal do podcast certo?

  • Francisco Barroso

    poderiam fazer Kara no Kyoukai na ordem cronológica. Acho que ja esta na hora de fazer Fate/Zero para aproveitar o hype de Fate Stay Night/UBW!

    • Giuliano Peccilli

      Sugestão anotada. Faz algum tempo que a galera pede.

      Sobre Fate/Zero, os pedidos vieram na época de Madoka, mas depois sumiram.

  • Gari, chégas do Boris Casoy .

    Eu entendi mal ou o Stunts, disse que é moda o cara ficar vidrado na própria irmã, pensei que isso era mais forte no Oriente mas o stunts disse que é no mundo todo .

    • Giuliano Peccilli

      Temos alguns casos no Japão como animê Mahouka e parece ser um “fetiche” em moda por lá.

      Não sei dizer no Ocidente, mas no Oriente sempre existiu e ganhou força nos últimos anos.

      • Gari, chégas do Boris Casoy .

        Se eu tivesse uma irmãzinha asiática acho que também iria querer comer ela, faz sentido.

  • Renver

    Senti falta de vocês falarem da armadura… a armadura principal que não era de borracha (ou assim parecia) e acendia os olhos quando lutavam na neblina é linda!!!

    Jaspion merecia um anime!!!

    Dalion é o melhor robô gigante já chagava na voadora!!!!

    • Giuliano Peccilli

      Jaspion normalmente tinha 3 armaduras.

      Uma era para apresentações que era de metal mesmo (essa de luzes e tal).

      Temos duas que era usadas para combate que eram maleáveis. Esse tipo de diferença de armaduras veio de Gavan e existiu por um bom tempo durante o gênero.

  • Olavo Lima

    melhor podcast de todos todos todos

    • Giuliano Peccilli

      Obrigado!

  • finalmente um podcast que vale a pena ouvir. Fazia meses que não tinha um podcast que eu achava interessante.

    • Giuliano Peccilli

      Uma pena ler um comentário desse. Machuca toda a equipe envolvida na produção do JWave.

      • e olha que eu peguei leve com esse comentário. Fazer o que todo podcast tem seus altos e baixos. Por exemplo – em 2014 teve pelo que contei teve uns 26 que eu gostei e nos anos que foram o auge 2013 e 2012 teve mais ou menos uns 40 que gostei.

        • Giuliano Peccilli

          Primeiramente o que eu falo que podcast são feito por pessoas que normalmente gastam seu tempo livre para fazer podcast sem cobrar nada por isso. Então quando pedimos comentários são uma forma de “pagar” o nosso esforço. Sobre ouvir o podcast, infelizmente (ou felizmente) não trabalhamos pensando em um ouvinte especifico, mas num grupo de ouvintes que varia de 2 mil a 5 mil ouvintes. Seria injusto focar e produzir assuntos só pra esse ouvinte especifico, então pedimos paciência e que pule o podcast. De qualquer maneira, existem 700 podcasts sendo produzidos no Brasil hoje, talvez um seja mais o seu perfil do que o nosso. O que podemos sugerir também que sempre comente no nosso grupo e crie posts no mesmo com suas sugestões (vimos que faz isso em outros grupos e talvez a falta de atividade do mesmo em nossa fanpage faça que não conseguimos prever o seu gosto em específico). E até hoje guardamos seu teste pra ser membro do JWave, e quem sabe num futuro isso não aconteça. Abraços