Play
Play

JWave Capa  227 Post site

O JWave dessa semana irá falar do filme sobre a vida do matemático Alan Turing lançado em 2014 e que ainda se encontra em exibição nos cinemas brasileiros.

Falaremos da lei conta obscenidades que abalava os homossexuais, feminismo e o que isso fez com que Alan Turing de herói se tornasse um grande mistério não reconhecido pelo governo britânico.

Alan Turing só foi reconhecido pelos britânicos pelos seus atos em 2013, depois de 50 anos de seu suicídio.

Juba e Sasuke RK irão debater e falar tudo sobre esse filme, revelando que nosso JWave não é só humor.

PARTICIPANTES

No JWave #227: O Jogo da Imitação
Benedict Cumberbatch
Keira Knightley
Matthew Goode
Mark Strong
Charles Dance
Allen Leech
Matthew bard
Rory Kinnear
Nora Grossman
Ido Ostrowsky
Teddy Schwarzman
Morten Tyldum
Black Bear Pictures
Bristol Automotive

Feed
Já assinou?

iTunes
Dê uma nota pro JWave e comente sobre nosso podcast por lá!

Facebook
Fanpage do JWave
Grupo do JWavecast

Indicação
Cinderela – Edição Diamante – Blu-ray
Cinderela II + Cinderela III – Blu-ray

Emails
[email protected]

About Giuliano Peccilli

Editor do JWave, Podcaster e Gamer nas horas vagas. Também trabalhou na Anime Do, Anime Pró, Neo Tokyo e Nintendo World.

View all posts by Giuliano Peccilli

22 Comments on “JWave #227 | O Jogo da Imitação”

      1. Devido a Páscoa, o JWave não teve bloco de correios pq não consegui encontrar com Calliban para gravar o mesmo.

        Peço a compreensão, pq isso pode acontecer as vezes e não nos sentimos a vontade a gravar o bloco com outras pessoas.

      1. Até os arquivos ingleses sobre o projeto ENIGMA serem abertos, o primeiro computador conhecido era o ENIAC, que entrou em operação em 1947.

        1. Ah sim. Agora entendi o que você se referia. Realmente o filme falha em não deixar claro esse grande mérito, caminhando pela estrada da sexualidade do protagonista.

          1. Hollywood mais preocupada com o lado progressista de uma história? Imagina! rssss

            Tu viu o filme da Thatcher? Ela só salvou a economia da Inglaterra da insolvência e isto é quase escondido no filme.

          2. Thatcher é retratada mais por sua doença do que pela figura que ela se tornou. Isso é triste.

  1. Bah pessoal, não paguem pau para o feminismo, por favor, usem outro termo, mas não esse. O feminismo é o ato de difundir o sexismo e o ódio, chamando isso de igualdade. Ele é o braço da revolução marxista, Simone de Beauvoir, uma das primeiras destas loucas era comunista. É fácil de encontrar material de feminazes disseminando estes valores, basta procurar um pouco na rede.

    Pq vcs acham que elas são chamadas de FEMINAZES? Leiam abaixo e tirem suas conclusões, são frases de famosas feministas.

    “No patriarcado, todo filho de uma mulher é seu potencial traidor e
    também inevitavelmente o estuprador ou explorador de outra mulher.” –
    Andrea Dworkin

    “Eu sinto que odiar os homens é um ato político honrado e viável.” – Robin Morgan

    “Todo ato sexual, e mesmo o sexo consentido entre um casal no
    matrimônio, é um ato de violência perpetuado contra a mulher.” –
    Catherine MacKinnon

    E não, não acredito que lugar de mulher é esquentando a barriga no fogão e esfriando no fogo. Acredito que todos devem ser livres para decidirem o que querem para si e não sejam discriminadas por isso. Se uma mulher quiser casar, ter filhos e educa-los em casa e nunca trabalhar, que bom para ela. Quer trabalhar ter carreira e nunca casar, idem, TODOS os seres HUMANOS são livres para decidir. Feministas não aceitam esta liberdade e por isso são chamadas de FEMINAZES.

    Bye the Way, um homem feminista é o mesmo que um Judeu ser nazista.

    1. Rapaz,

      Isso é muito complicado, pq não faz um mês que assisti uma palestra de uma editora de quadrinhos que sua editora chefe falava do feminismo que era uma luta pela igualdade do papel da mulher igual aos homens.

      Eu não quero tocar nisso, exatamente porque meu foco era contar a história do filme e a luta de seu personagem contra sua sexualidade diante as leis de seu país. Por acaso a história tocou numa personagem feminina forte que se assemelha a luta do feminismo.

      Entendo suas conotações e suas pontuações, mas não era o foco desse podcast abordar isso. São lutas que a nossa sociedade já teve e cumpriu o seu papel.

        1. Entendi e sempre é tempo de se aprender as coisas. Logicamente que cada um tem o direito de se focar e querer enaltecer o que deseja, no caso desse filme se focou a homossexualidade e as leis que existiam na Inglaterra. Se esse filme fosse feito uns dez anos atrás, ele seria focado no computador e não na sexualidade do Alan.

    2. Interessante informação.
      Mas o conceito feminismo se aplica totalmente nesses tópicos ou existem grupos que só procuram a igualdade do gênero?

      Só para constar para mim humano é humano e ponto final.

      1. Vai desde a simples luta contra a discriminação indo até o processo de revolução cultural que mencionei, pois as mais radicais, acreditam que a verdadeira igualdade não poderia se dar em um regime capitalista democrático. Simone de Beuveoir, uma das primeiras feministas era comunista, por exemplo.

        Ser humano é ser humano, mas há pré-disposições biológicas inerentes aos sexos. Este documentário que coloque é bem legal.

        Mas como falei, a rede esta ai, chequem a informação. Não acreditem de cara em nada.

        https://www.youtube.com/watch?v=G0J9KZVB9FM

        1. Então é óbvio que há diferenças biológicas. Acho que não nem esse o caso que muitas mulheres lutam e reclamam, mas situações que vem por parte da sociedade. É complicado o assunto…
          Independente das diferenças físicas, ambos possuem sentimentos, razões e todo a infinidade que nos compõe como espécime “dominante”.

          Agora essa parada de feminismo, não sei, nunca entendi direito certas coisas. Talvez existam mais grupos além dos extremistas.

          1. Bom, ideologia de gênero, que é uma das bandeiras das feminazes, defende que o ser humano é “neutro”. Que mulher ser vaidosa e gostar de brincar de boneca, por exemplo, é produto do seu meio. Segundo esta teoria, se tu criar um menino e trata-lo como menina, vesti-lo como menina, fazer ele brincar como menina, ele se tornará menina. Tipo, WTF??
            O vídeo é bem legal, vale assistir, ainda mais q é em noroegues, q é uma língua engraçada.

          2. Rsss entendo.
            Mas ainda defendo que não deveria existir barreiras entre seres humanos. Independente do gênero, etnia e opção sexual. Nada disso importa.
            O que importa é o que o ser faz.

  2. Otimo filme que assisti por acidente, mas diria que foi um dos melhores filmes que vi este ano. Certo que não devemos julgar um livro pela capa, mas o poster do filme não me atraiu nada para o filme, porém, depois de ter assistido… uau… sem falar das informações adicionais que voces do jwave acrescentaram, valeu!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.