Hoje eu gostaria de falar sobre os Jogos japoneses, não me refiro a jogos de vídeo games mas sim a jogos de tabuleiro, cartas, jogos neste estilo. É bom falarmos sobre algo diferente, e eu me sinto mais confortável falando sobre algo mais especifico, porque tem alguns leitores que generalizam na hora de ler texto, então quero escrever algo mais light…

Shogi

Shogi (将棋) é a versão japonesa do famoso Xadrez. O Shogi foi introduzido no Japão no período Nara (704 a 790 d.C.), e tem o mesmo objetivo do Xadrez, capturar o rei. A diferença esta entre as peças e no sistema de captura.

O jogo possui 20 peças distribuída em 3 fileiras de 9, neste jogo o rei é solteiro porque não existe rainha. Existem 2 generais de outro, 2 generais de prata e 2 lanceiros, 2 cavalos, 1 bispo, 1 torre e 9 peões.

Diferente do xadrez, ao invés de você comer uma peça, você a captura e pode colocar ela no jogo depois, no seu time. O jogo exige muito mais estrategias, visto que as peças podem nunca acabar. Para mais sobre as regras do Shogi e como se joga, eu escrevi um artigo no meu site que você pode ler clicando aqui.

shogi2

Go

Com origem na China há cerca de 5 mil anos, GO (碁) é um jogo estratégico onde duas pessoas posicionam pedras de cores opostas com objetivo de conquistar territórios. No sistema japonês somente as zonas que estão rodeadas por pedras são consideradas como território. O sistema chinês considera como território o número de pedras existentes; em outras palavras cada jogador deve ocupar a maior quantidade de intersecções possíveis.

Em um tabuleiro de Go há 19 linhas horizontais e 19 linhas verticais. No Go se usa o cruzamento das linhas para jogar. Há 361 intersecções. O tamanho do tabuleiro varia de acordo com seu uso. Existe diversas variações deste jogo, alguns com tabuleiros menores, algumas versões brasileiras, você provavelmente ja deve ter jogado este jogo ou algo parecido. Existe outros jogos japoneses que usam tabuleiro de GO como o Irensei, Renju e o Ninuki-renju.

go-660x365

Kendama

Não é bem um jogo de tabuleiro, mas é um brinquedo tradicional com origens japonesas que você provavelmente deve ter visto. O Kendama é uma especie de bilboquet ou Balero, aquele brinquedo onde você tem que fazer uma bolinha que esta amarrada no fio se encaixar no pico do copo (sei la o nome daquilo).

Ah diferença é que o estilo Kendama leva influências de uma variada gama de habilidades, incluindo yo-yo, diabolo, malabarismo e dança. Ele tem uma aparência diferente parecendo um martelo. Este jogo tem sido utilizado como uma medida da precisão, agilidade, e a capacidade de aprendizagem em braços robóticos.

kendama

Cho-han bakuchi

Este jogo japonês é bem simples, ele consiste em lançar dois dados de 6 lados em um copo, antes dos dados serem mostrado o jogador faz a aposta dizendo cho (pares) ou han (impar). Então mostra os dados e os valores são somados. Esse jogo é comum ser jogado pela Yakuza.

Hanafuda

Hanafuda (花札 “Cartas de Flores”) é um jogo de cartas colecionáveis e consiste em 48 cartões. As cartas têm imagens de flores, sendo que o baralho é dividido em 12 montes, cada um representando os meses do ano com flores, animais e objetos diferentes. Existem diferentes formas de se jogar o Hanafuda.

hanafuda-cards

Karuta

A ideia básica por trás de qualquer jogo de karuta é definir rapidamente qual carta, dentro de muitas, é aquela que é a certa e então pegá-la antes de seu oponente. Há vários tipos de cartas que podem ser usadas para jogar karuta. Também é possível jogar usando dois decks padrão de cartas de baralho. É um jogo complexo que necessitaria de 1 artigo inteiro para explicar os tipos e maneiras diferentes de se jogar.

001-520x245

Claro que existe inúmeros outros jogos japoneses, e as versões japonesas de alguns jogos que conhecemos, ate jogos simples como amarelinha tem sua versão japonesa chamada de Ken Ken Pa. Existe tambem o famoso Mahjong que é um jogo chines muito popular no Japão. Mas por hoje vamos ficar apenas com esses 5 jogos que mencionamos.