JMangá #141: Hal

Baseado em um filme com character design de Io Sakisaka (autora de Aoharaido), a versão mangá de Hal, de autoria de Umi Hayase, chega às bancas brasileiras pela editora Panini. Já conferimos a edição e contamos nossas impressões neste JMangá.

A história

Q-01 é um robô humanóide muito gracioso e gentil, que vive na cidade de Kyoto ajudando humanos a realizarem diversas tarefas. Um dia, ao terminar uma delas, é convocado para ajudar em uma missão bem complicada: assumir o lugar de Hal, um garoto que faleceu recentemente e cuja morte afetou profundamente Kurumi, sua namorada.

Assim, Q-01 toma a imagem de Hal e passa a visitar Kurumi diariamente, tentando realizar suas vontades da melhor forma possível e fazer com que ela volte a ter vontade de viver.

Sua convivência com a garota, os conselhos preciosos do médico que o auxiliou na adaptação e a amabilidade dos moradores da cidade, fazem com que esse novo Hal entenda melhor sobre os sentimentos, em especial, o amor. Seu passado esquecido começa a vir à tona aos poucos e a verdade que lhe será revelada o faz entender finalmente não só o valor que cada vida possui, como também a importância dos sentimentos daqueles que amamos.

A edição brasileira

Volume único, Hal foi publicado em offset, mas não possui páginas coloridas nem orelhas. Em contrapartida, trouxe lindas imagens nas contra-capas e um marca páginas muito fofo, que dá muita dó de usar.

A tradução ficou por conta de Karen Kazumi Hayashida, a edição com Camila Cysneiros e as letras sob a responsabilidade de Diógenes “Dih” Diogo.

Opinião

Apesar de achar a história bonitinha, fiquei meio confusa do meio para o fim, onde acontece um plot twist que fundiu meu cérebro e que talvez funcionasse melhor para mim se eu tivesse assistido ao filme.

Mesmo com um final esquisito (na minha opinião), Hal tem personagens cativantes, um traço agradável e uma bonita mensagem de amor: amar uma pessoa não significa fazer todas as suas vontades, mas sim, entender seus sentimentos. Tenho certeza que Hal e Kurumi entendem isso agora.

Agradecemos à editora Panini, que nos encaminhou o exemplar para análise.

Comentários

comentários


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
%d blogueiros gostam disto: