Quando se fala em Animê e em Jogo, você fala em Bandai Namco. Sendo a grande atração do Anime Friends 2018, a Bandai trouxe novidades do segundo semestre. Estavam presentes os jogos: My Hero One’s Justice, SoulCalibur VI e Jump Force.

Anunciados na E3(Electronic Entertainment Expo), e estavam jogáveis no Anime Friends 2018, sendo acessível no evento com interação ao público.

São jogos que, em geral, têm conteúdos/historias ligados a Animes, exceto SoulCalibur,

SoulCalibur VI

Conhecido como um dos melhores jogos de luta pela parte técnica(gráficos). Devido a estudos com a equipe do jogo Tekken 6, nasce o novo SoulCalibur juntamente com influencias perceptíveis.

Nesse novo jogo, há personagens clássicos e novos com mudanças de técnicas de defesas e especiais. Como por exemplo: Apertando referente ao R1/RB no Xbox e Playstation, apresenta-se um ataque com armadura e acertando-o, acontece uma disputa de combo, como se fosse um Jokenpo.

Há uma pausa, em seguida de animações. Mecânicas que já foram presenciadas em outros jogos, porem acaba sendo novo em SoulCalibur. Especiais, já eram presentes no jogo, entretanto, era-se feito com Meia lua, e agora acaba sendo feito em um Botão. SoulCalibur VI encontra-se mais fluido que os anteriores, e tendo a maioria dos personagens classicos, diante dos novos: Groh, Nightmare, Xianghua e Kilik.

My Hero One’s Justice

Boku no Hero traz uma semelhança incrível dos jogos de Naruto, e acaba acertando em assistência de personagens e jogadas de câmera. Jogo arena com sistema
de Assist e botões de Dash. Além da presença de Gráficos com cores vivas. Sem mecânicas travadas, e muitos movimentos fluidos.

Jump Force

Chegando com muita polêmica, Jump Force causa expectativas no Publico. Encaixando Animês ao mundo real, acompanhado de cenários reais, por exemplo, Nova
Iorque.

Pelo o que foi analisado no jogo, embora o mesmo ainda estivesse sendo melhorado, há uma junção do mundo real com conteúdos de animes da Jump.

Especula-se a ideia de que o jogo em si, foi feito na mira do povo Americano. O
jogo, tem o tradicional 1×1 com trocas de personagens 3×3, mas não há troca de vida. Em si, o Jump Force tem características e mecânicas de jogos melhores e
mais sérios em comparação ao J-Stars, que muitos comparam.

Aproveite e ouça o nosso podcast sobre os jogos!

JWave #377: Bandai Namco no Anime Friends 2018

About Marcos Soares

um jogador hardcore de games(eletronico,papel,tabuleiro,card,etc) que é apaixonado pela cultura japonesa. Com um background profissional voltado pra TI e marketing.

View all posts by Marcos Soares