Crítica | Ford VS Ferrari

Colocando na fórmula Matt Damon e Christian Bale, além do diretor James Mangold, temos um filme biográfico que te faz torcer pela famosa história do Ford GT40.

Carros nunca foi o meu forte, mas uma boa história sim. E aqui temos um filme que sabe contar com maestria uma curiosa história de um combate entre essas duas companhias.

A história começa em 1963, quando a Ford Motor Company está estudando o porquê está falhando em renovar seu público. Num mundo pós Segunda Guerra Mundial, os jovens não buscam os carros da Ford, o que obriga a empresa a encontrar soluções em como se rejuvenescer a sua imagem.

Temos um Henry Ford II pedindo ajuda de seus funcionários e descobrindo que a Ferrari poderia agregar e muito a imagem da sua empresa.

Assim, o que poderia ter virado um dos maiores acordos da história, acabou nascendo uma rivalidade com a recusa do Enzo Ferrari e ainda a fusão da Ferrari com a Fiat na mesma data.

Ford decide enfrentar a Ferrari na Le Mans e chamando Carroll Shelby (Matt Damon), começa o desenvolvimento daquele que seria o carro que conseguiria enfrentar qualquer oponente. Carroll vai atrás daquele que considera melhor piloto que o Ken Miles (Christian Bale).

Ford recusa e bastante em aceitar Ken Miles como piloto, aceitando que fique na área de testes, mas é algo que Carroll vai vencendo aos poucos até tornar Ken o piloto oficial da empresa para Le Mans.

Opinião

Estamos vivendo um período em que temos um grande número de biografias no cinema. E sinceramente isso é ótimo, porque muitas boas histórias são reais e merecem serem retratadas no cinema.

Ford v Ferrari é uma baita história que precisava ser contada a uma nova geração nos cinemas. Christian Bale e Matt Damon estão incríveis como Ken Miles e Carroll Shelby.

Todo enquadramento das cenas de corrida e todo som dos carros dentro do cinema faz com que você deseje assistir corridas no cinema a partir de agora.

Independente se você gosta de corrida ou não, Ford v Ferrari é focado em relações humanas. Independente da história de sucesso do carro da Ford, temos a relação de amizade de Ken e do Carroll, como também temos a família do Ken e sua luta em aceitar a proposta do amigo de trabalhar na Ford.

Uma das melhores cenas do filme é do Carroll levando Henry Ford II para testar o carro e convencer que o Ken Miles é o piloto correto.

O filme acerta na forma de conduzir sua história tornando ela humana, também acerta na sua fotografia, trilha sonora e elenco. Resultado é um filme que desejo rever várias vezes no cinema.

Difícil não falar do Christian Bale que mais uma vez se transforma em cena. Seu sotaque em Ken Miles transforma ainda mais e mostra o quão camaleão ele é.

Provavelmente você não irá se arrepender em assistir esse embate nos cinemas.

Galeria

Ford Vs Ferrari

8.5

Roteiro

8.5/10

Trilha Sonora

8.0/10

Direção

9.0/10

About Giuliano Peccilli

Editor do JWave, Podcaster e Gamer nas horas vagas. Também trabalhou na Anime Do, Anime Pró, Neo Tokyo e Nintendo World.

View all posts by Giuliano Peccilli